"A epidemia está claramente na via descendente, no Brasil", declarou a subdiretora-geral da OMS, Marie-Paule Kieny, numa conferência de imprensa, em Paris, França.

"É o caso também na Colômbia e em Cabo Verde", acrescentou, sem dar números.

Marie-Paule Kieny ressalvou, no entanto, ser impossível, nesta altura, prever o reaparecimento da epidemia num futuro, lembrando que "a ciência avança, mas ainda há muitas interrogações".

Mais de 600 peritos e investigadores estão reunidos até terça-feira, no Instituto Pasteur, em Paris, para um colóquio científico internacional sobre o vírus Zika, que causa nos fetos microcefalia, subdesenvolvimento do crânio e do cérebro.

A OMS declarou a epidemia como "emergência de saúde pública internacional".

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.