As conclusões foram divulgadas esta manhã durante a apresentação da primeira parte de um estudo da qualidade do ar do concelho de Vila Franca de Xira e do Plano Municipal de Ambiente.

A primeira fase de monitorização decorreu entre 30 de janeiro e 06 de fevereiro deste ano e contou com 46 locais de amostragem, explicou o professor Francisco Ferreira, coordenador do estudo.

Numa análise comparativa com 2005, ano em que se realizou também um estudo à qualidade de ar no concelho, chegou-se à conclusão de que existiu uma redução da concentração média de partículas de dióxido de azoto (NO2) e de dióxido de enxofre (SO2).

Relativamente ao No2, verificou-se uma redução de 35,2 miligramas por metro cúbico (mg/m³) para 12,1 mg/m³ e, no caso do SO2, uma diminuição de 6,9 mg/m³ para 1,8 mg/m³.

Segundo Francisco Ferreira, a emissão destes gases poluentes deveu-se sobretudo ao tráfego rodoviário, nomeadamente na Estrada Nacional 10 (EN10) e na Autoestrada do Norte (A1), e não tanto devido à indústria, também com forte presença no concelho.

Apesar de as conclusões serem “bastante positivas”, o coordenador ressalvou que “os resultados carecem de uma avaliação mais extensiva”, estando prevista uma segunda fase de monitorização em setembro deste ano.

Durante a manhã foi igualmente apresentado o Plano Municipal de Ambiente para o Concelho de Vila Franca de Xira, um documento que estará em discussão pública até 31 de agosto e que está disponível para consulta no ‘site’ da autarquia.

O documento preconiza 160 medidas, das quais 66 são prioritárias, explicou o presidente do município, Alberto Mesquita (PS).

Numa curta intervenção, o autarca sublinhou que este plano pretende “definir ações para o desenvolvimento sustentável até 2030”, sendo um documento “fundamental” no âmbito do cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) e na elaboração de outros documentos estratégicos, como o Plano Diretor Municipal (PDM).

O concelho de Vila Franca de Xira, localizado na Área Metropolitana de Lisboa, é composto por seis freguesias e nele habitam perto de 137 mil pessoas.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.