Se for aprovada, a vacina da Pfizer/BioNTech tornar-se-á a primeira disponível nos Estados Unidos para essa faixa etária.

A solicitação de autorização à agência americana reguladora de medicamentos, a FDA, poderia ser apresentada nesta terça-feira, disse o Washington Post, citando fontes familiarizadas com o tema. O jornal especifica, assim como o New York Times e a rádio pública NPR, que a solicitação se refere apenas a um esquema de duas doses, não de três.

O anúncio foi feito no momento em que a onda de casos da variante ómicron está a diminuir nos Estados Unidos, mas os pais ainda estão a lidar com o encerramento de escolas e a preocupação com os seus filhos não vacinados.

As novas hospitalizações pediátricas por COVID-19 alcançaram um recorde nos Estados Unidos em dezembro.

No mês passado, a FDA aprovou a vacina contra a COVID-19 de reforço, ou terceira dose, da Pfizer/BioNTech para crianças até aos 12 anos.

Mas as taxas de vacinação nesta faixa etária são relativamente baixas, menos de 22%, segundo os Centros para o Controlo e a Prevenção de Doenças (CDC), a principal agência de saúde pública americana.

Enquanto procuram autorização para que as crianças menores de cinco anos recebam as duas doses da vacina, Pfizer e BioNTech também continuarão os estudos sobre um regime de três injeções, segundo o New York Times.

A FDA espera aprovar as vacinas para crianças pequenas no final de fevereiro. Os dados sobre um esquema de três doses não serão enviados até ao final de março, acrescentou o jornal.

As empresas concluíram no final do ano passado que as doses baixas da vacina forneceram proteção em crianças com até dois anos, mas não nas de dois a 5 anos e anunciaram em dezembro que adicionariam uma terceira dose aos seus ensaios.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.