Este projeto, que resulta de uma parceria entre o Ministério da Saúde, o Ministério da Educação, o Centro Hospitalar de S. João e a Samsung disponibiliza tablets e monitores para serem usadas pelas crianças na sala de aula ou nas camas. Para orientar e acompanhar os alunos foram colocados na área de pediatria do S. João três professores, para os diferentes níveis de ensino.

Esta parceria iniciou-se na Pediatria do Hospital de S. João, mas será em breve alargada a mais quatro hospitais, nomeadamente a Coimbra, Faro, IPO/Lisboa e D. Estefânia, também em Lisboa.

As crianças internadas nestes hospitais passarão a ter aulas presenciais, mas também lhes será permitido fazer a ligação às escolas de origem e contatar com os professores e colegas.

Na inauguração da nova sala de aula esteve presente o secretário de estado da Saúde, Manuel Teixeira que considerou tratar-se de uma “belíssima ideia” referindo que “há coisas que parecem relativamente pequenas, mas que, em relação aos valores que traduzem, são imensas”.

Este é um exemplo de “concretização de valores fundamentais, que será replicado”, acrescentou.

A área de pediatria do Hospital de S. João dispõe de “cerca de 60 camas e um total de quatro mil doentes saídos por ano”, referiu o administrador hospitalar Manuel Melo, acrescentando que “será o universo global desses doentes que irá poder usufruir da tecnologia” agora disponibilizada.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.