A introdução do recolher obrigatório em janeiro, o primeiro nos Países Baixos desde a II Guerra Mundial, gerou os piores confrontos no país nas últimas décadas.

“É claro que estamos felizes que isso seja possível novamente, já que a sociedade aspira a mais liberdade”, disse Rutte durante uma conferência de imprensa, acrescentando que se trata de “um passo muito cauteloso”.

As esplanadas vão poder reabrir entre as 12:00 e as 18:00 e acomodar um máximo de 50 pessoas ao mesmo tempo.

Os holandeses vão também poder receber dois hóspedes por dia em sua casa, em vez de um, que era o permitido até agora.

Desde o início da crise de saúde no ano passado, o país com 17 milhões de habitantes registou mais de 1,3 milhões de infeções de covid-19 e mais de 16.000 mortes estão associadas à doença.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 3.031.441 mortos no mundo, resultantes de mais de 141,9 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.