Estas pessoas, que desembarcaram do cruzeiro "Diamond Princess", foram "levadas da forma mais rápida e segura possível para uma área de contenção especializada no avião de evacuação para o seu isolamento", afirma o Departamento de Estado em comunicado.

Durante o voo, as pessoas permaneceram isoladas dos demais passageiros e foram monitoradas.

O primeiro avião com cidadãos americanos retirados do cruzeiro pousou esta segunda-feira numa base da Força Aérea dos Estados Unidos na Califórnia, onde todos os passageiros serão submetidos a 14 dias de quarentena. "Qualquer pessoa que se tornar sintomática será transferida para uma zona de contenção especializada, onde será tratada", afirmou o comunicado.

Pelo menos 40 americanos em quarentena a bordo do cruzeiro no Japão já tinham sido diagnosticados com o novo coronavírus, afirmou uma fonte do Departamento de Saúde dos Estados Unidos. A fonte indicou que estas pessoas seriam levadas para hospitais no Japão.

Veja em baixo o mapa interativo com os casos de coronavírus confirmados até agora

Se não conseguir ver o mapa desenvolvido pela Universidade Johns Hopkins, siga para este link.

Das 3.711 pessoas a bordo do cruzeiro, foram registados mais de 350 casos da nova infeção. OS pacientes foram levados para hospitais japoneses.

O novo coronavírus já fez quase 1.800 mortos e há 70.500 pessoas infetadas na China. Outros cinco pacientes faleceram fora da China continental.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.