A 20.ª edição da exposição vai ser inaugurada no Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, às 10:30, e estará patente ao público até dia 07 de janeiro, na galeria de arte da Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas do Alqueva (EDIA).

A mostra, promovida pelo Centro de Paralisia Cerebral de Beja (CPCB) e apadrinhada pela EDIA, poderá ser visitada na galeria, de segunda a sexta-feira, das 09:00 às 18:00, e também apreciada nas páginas da instituição e da empresa na rede social Facebook.

Segundo a EDIA, a exposição inclui 25 obras que foram pintadas este ano por sete utentes no ateliê de pintura do Centro de Atividades Ocupacionais do CPCB, para o qual vão reverter as receitas da venda dos quadros.

No ateliê, as visões artísticas, descomprometidas e não formatadas dos autores sobre o quotidiano e o mundo fluíram “livres e despidas de estereótipos”, dando origem às obras da exposição, com títulos como “O Nu à Janela” ou “O Olho Garganeiro”.

A exposição "Arte Numa Perspetiva Diferente" é promovida desde 2002 com o objetivo de promover e divulgar o trabalho dos utentes do Centro de Atividades Ocupacionais do CPCB.

Os artistas jovens e adultos pintam quadros todos os anos e já assumiram a realização anual da exposição como “um ritual", explica a EDIA, referindo que a mostra já se transformou “em reconhecimento de mérito”.

Também é "um dos estímulos ao desenvolvimento intelectual" dos utentes do CPCB, "reforçando" as suas integração e inclusão social e aumentando a sua autoestima.

Com as 19 exposições já realizadas e a deste ano, o projeto vai chegar a um total de 524 quadros expostos da autoria de 19 artistas plásticos utentes do CPCB, quatro dos quais participaram em todas as edições.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.