Ter uma vida longa e manter boa qualidade de vida é um desejo comum. Sabe-se à partida que todas as pessoas vão envelhecer. A genética assim o dita. No entanto, há determinadas posturas e comportamentos que se podem adotar para que o seu corpo e mente resistam por mais tempo. Quer viver mais tempo e com mais qualidade de vida? Então esteja atento ao seguinte...

Dormir

“Ah eu não preciso de dormir mais de cinco horas por noite!”... precisa sim! O que tem de ter em mente é que mais cedo ou mais tarde o corpo é que paga e, embora se sinta com alguma energia e esteja apto para desenvolver tarefas ao longo do dia, a longo prazo o corpo e a mente vão sofrer as consequências. Não se esqueça que é durante este período de descanso que o seu organismo se regenera: metaboliza substâncias, facilita o metabolismo dos radicais livres, refaz o stock de proteínas e enzimas, corta a produção de noradrenalina, entre outros. Portanto, livre-se de toda a tecnologia do seu quarto, tenha-o arejado e sem luz, coloque os animais de estimação do lado de fora e durma entre sete a oito horas, preferencialmente deitando-se e levantando-se à mesma hora. Lembre-se, há rotinas que são boas e favorecem.

Alimentação

Vegetais, peixe, baixo consumo de hidratos de carbono, bem como gorduras saturadas e açucares, já vão fazer toda a diferença, assim como um reduzido consumo de álcool. Ninguém lhe diz que tem de ser rígido na sua alimentação, até porque quem não gosta de “pecar” de vez em quando? A ideia é que tenha uma alimentação saudável e que aposte em alimentos que sejam de boa qualidade. Aliado a isto, o consumo de pelo menos dois litros de água diariamente vai auxiliar o corpo nas funções da respiração, digestão e na transformação dos nutrientes em energia e outras tarefas.

Exercício físico

Já reparou numa pessoa sedentária, certo? Mesmo que não tenham gordura acumulada, é notório ver que se cansam muito rapidamente e têm menos energia para desenvolver tarefas. Mas isto é o que se vê porque os malefícios no corpo só se manifestam mais tarde. Arranje uma atividade que goste e pratique-a diariamente, nem que sejam 30 minutos.

Meio envolvente

Detesta o seu emprego? Não gosta de onde vive? Está cansado daquele amigo tóxico? Mude isso! Sim... Já sabemos que não é fácil, mas optar por passar a vida a lamuriar-se e não tentar alterar a sua postura e encarar os problemas de frente, também não são a melhor resposta. O meio e as pessoas que nos rodeiam podem ditar o nosso estado emocional e fatores de stress e isto, está intimamente ligado ao tal encurtamento já falado. Tal como na alimentação, é necessário arranjar um equilíbrio e optar pelo que é mais saudável: rodeie-se de pessoas que lhe fazem bem, viva num sítio onde se sinta bem e seguro, trabalhe naquilo que gosta, enfim... cuide da sua saúde mental!

Saúde mental

Acabou-se de falar nela... E não é à toa, uma vez que quando existem condições extremas do estado emocional, problemas como stress, fadiga, ansiedade e depressão aparecem, bem como o envelhecimento das células. Fale com um especialista, medite, mude a sua postura de vida, o que seja, mas combata qualquer transtorno que possa sentir.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.