“Este livro é tão simples como as instruções de montagem de um móvel sueco: 2 a 6 ingredientes apresentados em fotos, um texto de algumas linhas; é só levar ao lume e...está pronto!”. As palavras de Jean-François Mallet sintetizam aquilo que encontramos nas 383 páginas do seu mais recente título, “Simplicíssimo, o Livro de Cozinha mais Fácil do Mundo” (Editorial Presença).

O objeto que temos em mãos arrisca-se a ser de manuseio tão fácil que o leitor pode ser levado a cair na incredulidade. Isso não acontecerá. Jean-François não esconde nada e, para além das descrições muito claras em poucas palavras, ilustra todas as 370 receitas com os ingredientes incorporados.

Veja-se estes folhados de queijo que se preparam em 25 minutos (com tempo de forno incluído) e que levam, apenas, dois ingredientes.

“Simplicíssimo”, o livro de cozinha que se arrisca a tornar um recorde

O autor aplica este mesmo princípio às centenas de receitas que nos apresenta no livro, sejam uns chips de parmesão com orégãos, uma batata-doce frita, um frango com salsa e parmesão. Uma obra que não dispensa um toque de bom humor. “Neste livro, parto do princípio de que dispõe em sua casa de água corrente, um fogão, um frigorífico, uma frigideira, uma panela de ferro fundido, uma faca (bem afiada), sal e pimenta, óleo (Se não for o caso, talvez seja este o momento de investir!)”.

Ainda no primeiro capítulo, denominado por Jean de “Instruções”, estão incluídas listas com os “Ingredientes Indispensáveis” (poucos), “Qual o Processo Indicado” (bater natas, descascar, marinar, reduzir, etc.), “Que Utensílio Escolher” (batedeira, varinha mágica, liquidificadora, etc.).

Posto isto é hora para o leitor arregaçar mangas e empreender um caminho de aprendizagem na cozinha com o autor. Desenganemo-nos face à simplicidade. A síntese de Jean-François Mallet decorre de anos de experiência e procura responder a questões de ordem prática. Ter ideias todos os dias, para crianças e adultos, saber reinventar-se na cozinha apenas com os poucos ingredientes disponíveis no frigorífico ou na despensa pode ser um verdadeiro quebra -cabeças.

Jean-François Mallet é cozinheiro e fotógrafo. Trabalhou com alguns dos nomes mais sonantes da cozinha francesa, como Joël Robuchon, Michel Rostang, Michel Kéréver, Gaston Lenôtre. Escreve regularmente em revistas da especialidade.

Simplicíssimo, o Livro de Cozinha mais Fácil do Mundo” chega aos escaparates com o preço de 29,90 euros.

“Simplicíssimo”, o livro de cozinha que se arrisca a tornar um recorde

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.