Joana Roque, apaixonada por cozinha, bloguer e autora de livros de culinária, lançou um novo título no mercado português. Com “Cozinha organizada, jantar na mesa” (edição Manuscrito), Joana simplifica a mesa e introduz os leitores no planeamento e preparação de receitas para a semana. Evitar o desperdício, os essenciais em casa, dicas para tornar a cozinha um espaço eficiente, são alguns dos itens incluídos na obra.

Neste contexto, transformar receitas-base em novos pratos, dependendo dos ingredientes que lhes são acrescentados, é fator para combater o desperdício alimentar e incrementar com dose extra de criatividade a cozinha doméstica.

“Todas as receitas que cozinha em duplicado e congelo podem depois ser transformadas em outra coisa. Por exemplo, a bolonhesa que está congelada não tem de ser comida sempre em forma de massa à bolonhesa”, adianta Joana Roque nas páginas do seu novo livro.

Desta forma, a autora dos blogues “As minhas receitas” e “A economia cá de casa”, aponta-nos caminhos para novas utilizações para o prato de bolonhesa.

"Chili rápido: juntem à bolonhesa uma lata de feijão-preto, cominhos e deixem ferver para obterem um chili delicioso. Sirvam polvilhado com coentros frescos picados e molho de tomate e tortilhas.

Massa gratinada, lasanha ou canelones: cozam massa curta, envolvam-na com a bolonhesa, juntem natas ou molho bechamel. Espinafres salteados ou brócolos e cubram com queijo. Levem ao forno a gratinar.

Como fazer de uma bolonhesa 5 pratos diferentes
Excerto da capa do livro "Cozinha organizada, jantar na mesa". créditos: Editora Manuscrito/Inês Costa Monteiro

Empadão rápido: coloquem a bolonhesa por baixo e, por cima, o puré de batata, de batata e couve-flor, de abóbora ou uma mistura de vegetais a gosto e polvilhem com um bocadinho de queijo. Levem ao forno a gratinar e já está.

Legumes recheados: quer sejam beringelas, curgetes, pimentos ou tomates, retirem-lhes a polpa (que podem aproveitar para refogar e juntar à carne ou congelar para usar mais tarde) e cozinhem um bocadinho os legumes. Depois, basta recheá-los com a carne picada, juntar um pouco de queijo ou bechamel e levar ao forno.

Empadão folhado (ou empadas de carne): rechear massa folhada com a carne, pincelar com gema de ovo e levar ao forno até a massa folhar e dourar".

Encontra mais dicas como estas no livro "Cozinha organizada, jantar na mesa".

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.