Monção e Melgaço é a região onde o Soalheiro se encontra, no centro do vale do Alvarinho, com vista privilegiada sobre o território. Do seu terraço panorâmico veem-se as montanhas e o Rio Minho, o típico casario minhoto envolto pelo verde da floresta e das vinhas – vinhas estas que são pequenas parcelas e que as famílias de produtores tratam como jardins, nos tempos livres, numa viticultura de minifúndio.

A pensar no verão, o Soalheiro oferece novas experiências de enoturismo, que incluem provas de vinhos e infusões, como uma prova especial para celebrar os 40 anos e, ainda, harmonizações gastronómicas com produtos típicos da região - todas elas com a oportunidade de usufruir do alojamento local da quinta.

Este ano, o destaque vai para a novidade que celebra os 40 anos do Soalheiro. Uma prova exclusiva, que reúne a experiência imersiva da história do Alvarinho e desta “família de muitas famílias”. A prova (120 euros) convida a degustar a evolução do “Soalheiro” e a explorar a elasticidade da casta Alvarinho. É possível provar duas colheitas antigas, os quatro vinhos da Edição Especial Soalheiro 40 anos, o Soalheiro Clássico 2021, e outras cinco outras referências à escolha, das colheitas atuais. Com duração de duas horas e sem número mínimo de pessoas, a prova inclui, ainda, uma visita à vinha, ao campo das infusões e à adega e cave da inovação, bem como uma prova de cuba nesta cave. Se a deslocação até Melgaço não for uma opção, o Soalheiro vai até casa, para uma prova digital, que oferece tudo o que é preciso para celebrar os 40 anos do produtor (195 euros).

No Minho, experiências de enoturismo contam a história dos 40 anos de um vinho Alvarinho
créditos: Soalheiro

Outras propostas incluem visita às vinhas, de produção biológica, visita à adega e à Cave da Inovação - estão disponíveis oito provas, de vinhos e infusões, para degustar no terraço panorâmico de Soalheiro, com uma paisagem de cortar a respiração.  Entre as Provas de Vinho, a Quinta de Soalheiro oferece a Prova Premium (65 euros), Fusion (35 euros), Nature (25 euros), Origem (18 euros) e Clássica (12 euros).

A par das provas de vinho, está disponível a Prova de Infusões, que inclui degustação de produtos típicos da região, como queijo Prados de Melgaço, compota da Quinta da Folga e Mel do Zé (15 euros).

Para quem procura uma experiência gastronómica, não faltam opções de degustação: Tradicional (20 euros), Ancestral (30 euros) e Raízes (25 euros) – para um grupo mínimo de duas pessoas. Os grupos (no mínimo oito pessoas) podem usufruir de um menu de almoço à mesa na Quinta da Folga, com sabores tradicionais de Monção e Melgaço, por 65 euros por pessoa. Nesta propriedade vizinha, que além da produção de fumeiro e de uma horta biológica, tem vinhas e campos de infusões, a Dª Zira prepara uma refeição de iguarias regionais.  Também é possível desfrutar de uma refeição ligeira, com vista para o Vale do Rio Minho, que inclui produtos locais harmonizados com vinho à escolha (25 euros/pessoa; mínimo de quatro pessoas).

No Minho, experiências de enoturismo contam a história dos 40 anos de um vinho Alvarinho
créditos: Soalheiro

Acordar com os sons da natureza, ter um pequeno-almoço à espera, com produtos locais num cesto de piquenique e, de seguida, dar um mergulho numa piscina com vista panorâmica, parece o cenário perfeito. E é possível, com uma estadia na Casa das Infusões, uma casa rústica, ao lado dos campos que dão origem às infusões e a curtos passos das vinhas biológicas (160 euros por noite - casa inteira). A casa é um refúgio, que guarda as tradições e história da família e da região, com três quartos disponíveis.

Para uma estadia completa, não faltam opções de programas, com parceiros locais, para explorar o território, até ao Parque Nacional Peneda-Gerês. Os mais aventureiros podem adquirir o kit “À Descoberta do Território” (25 euros), disponível online ou na loja do Soalheiro e descobrir o Norte de Portugal. O kit para duas pessoas inclui uma garrafa de Soalheiro Alvarinho, um saca-rolhas profissional, dois copos, uma manga refrigeradora e, ainda um queijo de cabra dos Prados de Melgaço, curado com Pimentão e Alvarinho. O pacote que contém todos os essenciais para uma experiência diferente, vem num saco, com um bolso feito de tecido, alternativo ao couro, produzido com resíduos de uva Alvarinho da vindima no Soalheiro.

As reservas podem ser feitas através do site do Soalheiro, telefone (251 416 769) ou e-mail enoturismo@soalheiro.com

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.