Um júri internacional especializado provou e escolheu. O vinho tinto Júlio B. Bastos Grande Reserva Alicante Bouschet 2012 (produzido em Estremoz, Alentejo, pelo produtor Júlio Bastos, na Quinta Dona Maria), o branco Mirabilis Grande Reserva 2014 (elaborado na Quinta Nova de N. Sra. do Carmo, no Douro) e o vinho fortificado Henriques & Henriques Tinta Negra 50 Anos (um Vinho Madeira, da casa Henriques & Henriques) são os grandes vencedores da prova.

A decisão teve lugar no Salão Árabe do Palácio da Bolsa, quinta-feira de manhã, pouco antes da abertura ao público do evento “ESSÊNCIA DO VINHO – PORTO”. Mais de 30 jurados de 13 nacionalidades (Alemanha, Brasil, Coreia do Sul, Dinamarca, Espanha, França, Holanda, Hong-Kong, Polónia, Reino Unido, Roménia, Suíça e, claro, Portugal) – por entre jornalistas, bloguistas, sommeliers e wine educators – provaram um total de 53 vinhos, pré-selecionados pela revista especializada WINE – A Essência do Vinho, tendo em consideração as melhores classificações atribuídas pelo painel de provas da publicação aos vinhos avaliados em 2015. Em regime de prova cega, sem conhecimento prévio do vinho que estava a ser provado, a maioria da comitiva internacional de convidados da nova edição do “ESSÊNCIA DO VINHO – PORTO” avaliou-os uma derradeira vez. No total, 31 vinhos tintos, 13 vinhos fortificados (Porto, Madeira e Moscatel) e 9 vinhos brancos.

Os vinhos brancos e os vinhos generosos obtiveram pontuações muito elevadas, pelo que o “TOP 10 Vinhos Portugueses” acabou por ser constituído por um total de quatro vinhos tintos, três vinhos brancos e três vinhos fortificados .

Além dos grandes vencedores já citados, na categoria vinhos tintos o Quinta da Touriga Chã 2013 (Jorge Rosas, Douro) ficou na segunda posição, seguindo-se o Vinha de Lordelo 2011 (Domingos Alves de Sousa, Douro) e o Malhadinha Nova 2013 (Herdade da Malhadinha Nova, Regional Alentejano). Nos vinhos brancos, a segunda posição foi partilhada pelos vinhos Soalheiro Alvarinho Primeiras Vinhas 2014 (Vinussoalleirus, Vinho Verde) e Quinta dos Carvalhais Branco Especial (Sogrape Vinhos, Dão). Por fim, nos fortificados, a segunda posição é partilhada pelo vinho do Porto Barros Colheita 1938 (Sogevinus) e pelo vinho Moscatel JMF Alambre 40 Anos Moscatel de Setúbal (José Maria da Fonseca).

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.