Lindbergh, nascido em 1944 em Leszno, Polónia, colaborou com diversas revistas e várias das suas fotografias a preto e branco tornaram-se imagens icónicas no mundo da moda.

O anúncio foi feito no Instagram.

"É com grande tristeza que anunciamos a morte de Peter Lindbergh, a 3 de setembro de 2019, aos 74 anos", pode ler-se.

"Considerado um pioneiro na sua arte, soube redefinir a fotografia de moda contemporânea e os seus parâmetros de beleza, enaltecendo as mulheres de todas as idades", afirma um comunicado da família, que não revela o local nem as circunstâncias da morte.

Aos 74 anos, Lindbergh permanecia ativo e recentemente tinha fotografado a cantora Rosalía para a revista Vogue Espanha.

"Retoco muito pouco as minhas imagens, não quero deformar nem massacrar as mulheres", explicou há alguns anos o fotógrafo, fascinado pela "geografia" dos rostos, para um auditório repleto de estudantes.

Nas suas imagens a preto e branco, granuladas, as modelos demonstravam uma atitude um tanto ou quanto rebelde, enquanto eram fotografadas sem artifícios.

"O preto e branco é outra maneira de refletir a pele. Com isso, o menor detalhe ganha luz e a foto rapidamente se transforma num retrato", declarou uma vez à publicação francesa Paris Match.

A família de Lindbergh fugiu do seu país natal quando este era bebé para morar em Duisburg, região oeste industrial da Alemanha.

Apaixonou-se pela escultura e pelo cinema alemão do período entre guerras e estudou na Academia de Belas Artes de Berlim, antes de começar a trabalhar como fotógrafo na revista Stern.

Lindbergh era casado com Petra, sua segunda mulher. O fotógrafo tinha quatro filhos e sete netos.

No final dos anos 1970 mudou-se para Paris e começou a fotografar para a famosa publicação de moda Vogue, dando início a uma colaboração que permaneceu até aos dias de hoje.

Entre as suas capas mais famosas destacam-se duas: a primeira remonta a novembro de 1988 para a Vogue norte-americana e que coincidiu com a entrada da editor-in-chief, Anna Wintour.

A segunda foi para a edição de janeiro de 1990 para a Vogue UK e que contou com a participação de cinco das supermodelos da década: Naomi Campbell, Linda Evangelista, Tatjana Patitz, Christy Turlington e Cindy Crawford.

Outra das suas colaborações mais marcantes foram as fotografias do Calendário Pirelli, que realizou em 1996, 2002 e 2017, sendo que a sua última participação destacou-se pelo facto de terem sido usadas atrizes de Hollywood no lugar de supermodelos, entre elas Charlotte Rampling, Nicole Kidman, Penélope Cruz e Uma Thurman. Este foi também um dos primeiros calendários sem nudez da história da Pirelli.

Mais recentemente fotografou a edição de setembro da Vogue UK, intitulada 'Forces For Change', que contou com Meghan Markle com editora convidada e com a participação de 15 mulheres extraordinárias.

"Gostava de fazer um grande agradecimento ao Edward Enninful, o génio e visionário editor-in-chief da edição britânica da Vogue, à editora convidada Duquesa de Sussex e ao diretor criativo Johan Svensson por usarem as suas vozes, e esta plataforma única, que é a edição de setembro, para transcender a ideia da moda para um contexto e um propósito maior", escreveu o fotógrafo sobre esta oportunidade na sua conta oficial de Instagram.

Mundo da moda reage

A Vogue britânica foi uma das primeiras publicações a reagir à morte do fotógrafo.

"Peter Lindbergh era simultaneamente um fotógrafo visionário e um bom amigo. A sua habilidade para ver a verdadeira beleza nas pessoas, e no mundo, era incessante e continuará a viver através das imagens que criou. Ele será recordado com saudade por todos aqueles que o conheceram, que trabalham com ele ou que se apaixonaram por uma das suas fotografias", escreveu Edward Enninful na publicação.

A publicação foi comentada pelo fotógrafo Bruce Weber: "Triste por dizer adeus a um amigo de tantos anos. Ele sempre colocou um sorriso na nossa cara com as suas fotografias e o seu senso de humor".

Linda Evangelista, uma das musas de Lindbergh, também deixou uma mensagem: "De coração partido. Descansa em paz meu Peet", escreveu.

"Adeus Peter Lindbergh. Um dos melhores", partilhou o conhecido maquilhador Peter Philips.

"Estou chocado e entristecido por saber da notícia da morte de Peter. Um dos poucos verdadeiros originais, que deixa um legado incomparável que será uma inspiração para sempre", escreveu o famoso cabeleireiro Sam McKnight.

"Obrigada Peter por toda a beleza que nos deste!", escreveu o estilista italiano Valentino.

"A casa Dior está profundamente triste com a perda de um seus colaboradores mais próximos, Peter Lindbergh, uma lenda da moda no seu próprio direito e um dos maiores fotógrafos da sua geração. A Dior e a indústria da moda vão sentir a sua falta", pode ler-se.

"O Peter Lindbergh era um homem incrível. Nos anos 1980, quando estava a dar os primeiros passos como fotógrafo, comecei a trabalhar com o maquilhador Stephane Marais e o cabeleireiro Julien d’Ys. Faziam parte da equipa do Peter Lindbergh, mas aceitaram fazer um trabalho comigo. Um dia, o Stephane ligou-me para dizer que o Peter me queria conhecer e perguntou-me se poderia ir ao seu studio. Fiquei surpreendido, mas claro que fui. Ele disse que tinha notado que eu tinha começado a colaborar com a Vogue Italia, mas que achava que não estava a trabalhar com o editor certo. Queria apresentar-me a uma pessoa com quem achava que deveria trabalhar. E assim o fez. Por vezes as pessoas acham que só existe competição nesta indústria, mas ele mostrou-me o quão generoso um fotógrafo pode ser. Sempre foi maravilhoso a partir desse dia. Preocupado, amável, e claro, extremamente talentoso. Vamos sentir a sua falta", escreveu o fotógrafo peruano Mario Testino.

"O meu coração está destroçado. Obrigada por tudo aquilo que me ensinaste. Uma luz insubstituível na vida de todas as pessoas. Descansa em paz, Peter", foram as palavras da modelo Kaia Gerber, filha de Cindy Crawford.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.