Cerca de 300 pessoas participaram, no fim de semana passado, na segunda edição do campeonato mundial da camisola mais feia do mundo, em Albi, sul de França. Os participantes vieram de toda a França, de lugares como Lyon, Angers, Pays de Loire ou Vendée. A região da Occitânia foi a mais representada.

Além da apresentação para um júri, os concorrentes tiveram de desfilar perante o público, que este ano ultrapassou os 500.

No final, os jurados escolheram dois vencedores, cada um na sua categoria, a individual e de grupo. Para ver algumas das camisolas mais feias do mundo e descobrir os vencedores, veja na fotogaleria abaixo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.