Nem sempre é fácil encontrar a base perfeita porque há uma grande variedade de produtos e marcas no mercado que variam na composição e na fluidez, já para não falar dos tons. Para a ajudar nessa descoberta deixamos-lhe aqui algumas dicas essenciais:

Procurar um profissional: O primeiro passo é informar-se e com um profissional, de preferência um maquilhador que não esteja diretamente ligado a uma marca específica para ser uma opinião mais abrangente e que vá de encontra às suas necessidades. Deve falar abertamente sobre a sua experiência com bases antigas, quais os seus objetivos, se é uma base para uso diário ou se é para para um evento especial, do que gosta e do que não gosta ou se tem alergias a algum ingrediente.

Tipo de base: Deve procurar sempre uma base indicada para o seu tipo de pele. Se tive a pele mais seca deverá procurar uma textura mais hidratante como uma base líquida, já no caso de ter a pele oleosa sugerimos uma base mais compacta ou em stick.

Cobertura e textura: O objetivo principal da base é a uniformização da pele, por isso, cada pessoa terá as suas necessidades uma vez que não existem peles iguais. A textura da base deve ser adaptada sempre ao nível de cobertura que necessidade deve adaptar a textura da base. Uma pessoa com a pele com mais imperfeições, manchas ou acne, precisa de um poder de cobertura maior.

Acabamento: Há bases com acabamentos mate, cujo objetivo é a matificação da pele, mas também há bases com um acabamento mais iluminado, normalmente indicado para peles mais baças e de mais idade que já perderam o seu brilho natural.

Proteção: Se procura uma base para utilizar diariamente sugerimos que invista num produto com proteção solar, para ajudar a prevenir o envelhecimento precoce da pele. Há também bases resistentes à água e ao suor, perfeitas para o verão ou para quem tem atividades mais movimentadas  no dia a dia.

Aplicação: Há várias formas de aplicar uma base, com as mãos e dedos, com pincel ou esponja. Deve experimentar as várias opções para saber identificar a melhor maneira para si e descobrir também como tirar o máximo partido do produto. No caso de optar por um pincel e esponja deve ter diariamente a preocupação da limpeza dos instrumentos, para evitar a acumulação de bactérias e possíveis infeções.

Tonalidade: Só depois de passar por estes passos todos é que se deve preocupar com o tom, que deve ser o tom exato da sua pele, nem mais claro, nem mais escuro. Experimente sempre o produto no rosto, na zona do maxilar e esbata para analisar se a base se funde naturalmente com o tom da sua pele.

Utilização: Antes de se decidir na compra de uma base, experimente durante pelo menos um dia no rosto. Assim, conseguirá analisar o tom, a textura, a duração, a reação ao fim de algumas horas, analisar se não faz alergias e se a cobertura se mantém.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.