Todos nós, após termos comprado o nosso primeiro carro, antecipámos com um certo deleite as horas de prazer que o nosso "boguinhas" poderia passar a proporcionar-nos.

No final de uma noite bastante "quente" ou perante uma vista romântica do mar, já todos nós nos aventurámos à descoberta de relações sexuais no carro, às vezes com consequências bastante embaraçosas...

O nosso conselho é que escolha um sítio suficientemente privado para lhe garantir que não será interrompido em pleno acto, mas suficientemente seguro para o proteger de terceiros com intenções dúbias que possam rondar o local onde se encontra.

Uma vez que esse sítio não existe, tanto quanto sabemos (se tiver conhecimento de algum, por favor envie-nos o endereço para a redacção, pois rapidamente se transformará num local muito concorrido...), fica o sabor da aventura que, de certa forma, é o que torna toda a situação muito mais excitante, e que consegue o prodígio de nos fazer esquecer uma manete de velocidades bastante inconveniente ou um encaixe de um cinto de segurança penetrante...

Depois de escolher o sítio ideal, eis algumas das posições que elegemos para que ambos levem as melhores recordações possíveis desta aventura.

E para que nada falhe, pedimos ao sub-chefe de ensaios do Auto Hoje, Rui Reis, que nos indicasse os melhores modelos de automóveis. Escolha o seu.

No banco de trás

Método: A mulher deita-se de costas, com os joelhos flectidos e com os pés apoiados no tecto do carro e no encosto da cabeça do banco da frente e o homem por cima dela, com as pernas ligeiramente flectidas e os pés apoiados na zona lateral da porta.

Melhor carro: Fiat Multipla.

"Combina, de forma muito eficaz, a elevada altura disponível com uma largura referencial, neste ou em outros segmentos... ", explica Rui Reis.

Nível de satisfação:

Esta é, talvez, a posição mais adoptada pelos adeptos desta modalidade. É a que mais se assemelha à posição de missionário, apesar do incómodo provocado muitas vezes pelos fechos das portas e pelos apoios dos cintos de segurança. Mas nem tudo é perfeito...

Outras ideias...

Paisagístico

Método: O homem senta-se da forma mais confortável possível no banco do pendura, baixando ligeiramente as costas do banco para trás. A mulher senta-se em cima dele, colocando uma perna de cada lado do banco e, a partir daí, comanda as operações, agarrada às pegas de apoio lateral.

Melhor carro: VW Beetle.
Tem umas pegas feitas à medida para esta posição (aliás, há quem diga que esta é a maior utiidade delas e que muitos portugeses foram "concebidos" assim..., graceja Rui Reis.

Nível de satisfação:
Além do homem ter direito a uma vista magnífica, dispõe das mãos livremente para aumentar a satisfação dela.

Leia mais na página seguinte

No colo

Método: O homem senta-se no banco do pendura e a mulher passa uma perna sobre ele e senta-se de costas no seu colo.

Melhor carro: opel signum.
É largo, tem um enorme comprimento para as pernas (um dos maiores deste ou de outro segmento) e permite regular longitudinalmente o assento do banco traseiro e a inclinação das costas, explica o sub-chefe de ensaios.

Nível de satisfação:
Garantida, já que o homem tem as mãos livres, que poderá utilizar em actividades exploratórias para proporcionar ainda mais prazer à sua companheira.

69

Método: Com o homem sentado no banco do pendura, a mulher mergulha de cabeça a partir do banco traseiro, o que a deixará sugestivamente posicionada.

Melhor carro: twingo.
Para já é barato... Além disso, permite rebater os bancos dianteiros e reclinar as costas do banco traseiro, criando uma cama (quase) de casal, explica Ruis Reis.

Nível de satisfação:
É impossível aguentar por muito tempo esta posição e exige uma condição física notável por parte dela.

De joelhos

Método: Ponha as costas do banco da frente todo para trás e deite a sua namorada de bruços sobre o banco; em seguida ajoelhe-se sobre ela e levante os seus quadris de forma a poder penetrá-la por trás.

Melhor carro: mercedes vaneo

Qualquer monovolume ou, em alternativa, um Mercedes Vaneo. Este último oferece um bom comprimento para as pernas e uma das maiores alturas úteis de todos os segmentos, refere Rui Reis.

Satisfação: Desde que consigam os pontos de apoio ideais.

Fonte:

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.