Para comemorar os seus 25 anos, o CCB tem, até 27 de maio, uma exposição de entrada livre que conta a história desta instituição jovem, mas com a experiência suficiente para aguçar no público que a visita o gosto pela criação artística e despertá-lo para a importância da cultura no desenvolvimento das sociedades contemporâneas. Mas há muito mais para ver no CCB.

NO FUNDO, PORTUGAL É MAR

Patente até 31 de julho, para visitar gratuitamente das 10h-13h e das 14.30h-18h, “No fundo, Portugal é mar” convida o público de todas as infâncias a entrar na cultura marítima, de agora e do futuro, com um empenho ativo sobre o mar.

A exposição agrega três propostas artísticas: TerraMar, uma instalação vídeo de Graça Castanheira, criada com base em materiais captados por um robô submarino telecomandado que desce a seis mil metros de profundidade; As Portas do Mar, uma instalação de faróis de Rui Rebelo, que traz o universo sonoro do mar, dos portos e das praias e que revelam os códigos sonoro-luminosos dos faróis portugueses; e Balaena Plasticus, uma instalação da autoria de Ana Pêgo e Luís Quinta, que alerta sobre a poluição e os desequilíbrios ambientais.

Teatro, exposições e oficinas no 25.º aniversário do CCB
créditos: Athila Bertoncini

A MENINA DO MAR

A peça de teatro parte da obra de Sophia de Mello Breyner e da música de Bernardo Sassetti e mostra uma casa branca nas dunas, voltada para o mar, onde há um pianista, Filipe, uma atriz, Carla, uma ilustradora, Beatriz, e uma Mala de Imagem.

O espetáculo, para maiores de 6 anos, que mistura música, teatro e cinema de animação, decorre nos dias 19 e 26 de maio, às 15.30h; nos dias 20 e 27, às 11.30h, e nos dias 22, 23, 24, 25, às 11h (preço: 3,5€, nos dias úteis e 6€ ao fim de semana).

CRIADORES AQUÁTICOS

Nesta oficina, os participantes vão brincar com a água e com outros materiais e observar alguns fenómenos como a densidade, a capilaridade, a difusão de líquidos, as inversões óticas e a cromatografia.

No desenrolar da história de um mito, da sua simbologia e das experiências aquáticas que serão feitas ao longo desta oficina, as crianças vão tentar descobrir as diversas forças que participam na criação e construir duas esculturas: uma individual e outra coletiva.

Nos dias úteis o preço da oficina é de 3,5€ e ao fim de semana é de 6€.

Teatro, exposições e oficinas no 25.º aniversário do CCB
créditos: Áthila Bertoncini

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.