Após os recentes acontecimentos de idosos abandonados nas suas casas, a Provedoria da Justiça volta a enfatizar a existência de um Linha do Idoso que, segundo a Alert Life Sciences Computing, recebeu desde Novembro de 2009, 428 chamadas, das quais 60 relacionadas com questões de saúde.
De acordo com o mesmo relatório, 25 dessas chamadas reportam-se a queixas de maus tratos e 11 dizem respeito a situações de abandono.
Segundo o site da Provedoria da Justiça, “a Linha do Cidadão Idoso pretende divulgar junto das pessoas idosas informação sobre os seus direitos e benefícios na área da saúde, segurança social, habitação, obrigações familiares, acção social, equipamentos e serviços, lazer, entre outras, de forma a contribuir para uma participação mais activa dos idosos na vida da sociedade, habilitando-os para um melhor exercício dos seus direitos. Propõe-se igualmente garantir um atendimento personalizado e contribuir para a acessibilidade da informação.”
Recorde-se que a linha telefónica gratuita de apoio aos cidadãos idosos é o 800 20 35 31 e funciona todos os dias úteis entre as 9h30m e as 17h30m, existindo um gravador de chamadas fora deste horário.
14 de Fevereiro de 2011

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.