O processo de submissão das candidaturas inicia a 01 de junho e termina a 30 de outubro 2016. Em fevereiro de 2017 é apresentado o projeto vencedor. Está elegível para se candidatar qualquer pessoa singular, grupos de trabalho e instituições sem fins lucrativos que apresentem um projeto que promova a melhoria dos cuidados prestados às crianças com doença oncológica - estudos científicos, projetos de investigação, formação, projectos com impacto psicossocial, entre outros.

Os interessados poderão consultar o regulamento em www.froc.pt e para mais informações poderão enviar um email para info@froc.pt ou através do telefone 217 915 007.

Os projetos serão apreciados por um júri de cinco elementos que se especializam nas diferentes vertentes da área da oncologia – Professor António Gentil Martins, Dr. Nuno Farinha, Presidente da SHOP (Sociedade de Hematologia e Oncologia Pediátrica) e médico pediatra oncologista do Hospital de São João do Porto, Dra. Maria de Jesus Moura, Diretora da Unidade de Psicologia IPOFG de Lisboa, Engª. Maria Karla de Osório de Castro, Presidente do Júri e Presidente do Conselho de Administração da Fundação Rui Osório, e Dra. Margarida Cruz Directora Geral da ACREDITAR.

O prémio é uma iniciativa da Fundação Rui Osório de Castro, instituição de solidariedade social sem fins lucrativos que apoia a oncologia pediátrica nas áreas da informação e da investigação científica, e a Fundação Millennium bcp. Foi apresentado no âmbito do 2º Seminário de Oncologia Pediátrica, realizado no dia 20 de fevereiro, na Fundação Calouste Gulbenkian, e pretende ser atribuído anualmente, a partir de 2017.

Dr. Fernando Nogueira, Presidente da Fundação Millennium bcp, destaca a importância desta atribuição “ Porque a saúde das crianças é um bem precioso e porque a regressão demográfica em Portugal é uma evidência, a Fundação Millennium bcp na área da ciência procura apoiar projectos de investigação ligados à saúde pediátrica. Associámo-nos a este prémio porque queremos ter parceiros credíveis e especializados na matéria, apoiamos este prémio para que o conhecimento progrida e a doença regrida, apoiamos este prémio para que as crianças com doença oncológica e as suas famílias tenham menos sofrimento e mais esperança, apoiamos este prémio para que os profissionais da área possam ter ganhos de realização profissional e pessoal. Apoiamos porque é uma boa causa.”

Cristina Potier, da Fundação Rui Osório de Castro, refere “Só nos podemos sentir satisfeitos. O Prémio Rui Osório de Castro / Millennium bcp é mais uma forma de responder ao objectivo a que nos propusemos, quando começámos em 2009, de promover, incentivar e apoiar a investigação científica dedicada ao cancro infantil, contribuindo assim para o avanço da medicina em Portugal. Acreditamos que este Prémio poderá proporcionar condições para que investigadores, psicólogos e outras pessoas que tenham bons projetos os possam colocar em prática.”

Para mais informações, visite www.froc.pt

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.