Há dúvidas que devem ser esclarecidas e conhecimentos que devem ser partilhados para afastar receios e saber atuar da melhor forma possível nas diversas circunstâncias.

Para guiar os pais nesta missão, as próximas Conversas com Barriguinhas, dos dias 19, 24, 26 e 31 de agosto, vão ensinar a descomplicar alguns temas e a preparar a chegada do bebé. As inscrições são gratuitas e já se encontram abertas na plataforma.

Como posso aliviar as dores lombares e ter um sono de qualidade na fase final da gravidez? Faz mal se o bebé adormecer na mama? São as questões que vão marcar a sessão online do dia 19 de outubro, cujas inscrições já se encontram disponíveis.

A terapeuta Inês Ramos da Clizone vai dar dicas de postura para o último mês e a Dr.ª Clementina Almeida, psicóloga pediátrica da ForBabiesBrain, esclarecerá se adormecer na mama é, afinal, bom ou mau.

Já no dia 24 de agosto, os pais ficarão a saber como identificar os sinais de alerta no recém-nascido, com a pediatra Susana Nobre, que vai explicar o que fazer nesses momentos. Também estará presente a Enf.ª Joana Gonçalves, especialista em saúde materna e obstétrica, para indicar “tudo o que precisa de saber sobre o coto umbilical do seu bebé”. As inscrições gratuitas já se encontram disponíveis.

A prática de exercício físico proporciona benefícios tanto para a mãe como para o bebé, por isso, não podia deixar de ser assunto nas Conversas com Barriguinhas. No dia 26 de agosto, a fisioterapeuta Sara Magalhães, do Bebé da Mamã, vai demonstrar alguns exercícios de pilates clínico e treino funcional para realizar na gravidez.

Nesta sessão, a Enf.ª Núria Durães, especialista em saúde materna e obstétrica, abordará a “muda da fralda e prevenção de assaduras”.

Por fim, a 31 de agosto, vão estar presentes duas especialistas em saúde materna e obstétrica. Para as mamãs que questionam “como sei que vou entrar em trabalho de parto?”, a Enf.ª Clara Aires explicará os sinais aos quais se deve estar atenta. Por sua vez, a Enf.ª Queila Guedes vai indicar “como preparar a chegada do seu bebé.

Em todas as sessões, vai ser possível conhecer as potencialidades das células estaminais do cordão umbilical, que apenas podem ser colhidas no momento do parto e que são úteis no tratamento de mais de 80 doenças.

E com o apoio de um especialista esclarecer todas as dúvidas sobre o processo de guardar ou doar as células estaminais do cordão umbilical do bebé.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.