O verniz voltou a estalar entre Dwayne Johnson e Vin Diesel. Em entrevista à CNN, 'The Rock' recusou publicamente o pedido para voltar a fazer parte do elenco de 'Velocidade Furiosa' e ainda lançou duras críticas contra a postura do ator.

Para que melhor perceba o que aconteceu é necessário recuarmos a novembro, quando Vin Diesel usou o Instagram para através de uma emotiva partilha pedir a Dwayne Johnson que fizesse parte do 10.º filme da saga.

'The Rock' declinou agora o pedido, mas garante que já o tinha feito muito antes da publicação. Os dois chegaram a acordo numa conversa particular, o que fez com que o ator tivesse ficado muito incomodado com o inesperado apelo público.

"Eu disse diretamente ao [Vin Diesel] que não voltaria. Fui firme, mas cordial com as minhas palavras e disse que apoiaria sempre o elenco e desejaria sempre que os filmes corressem bem, mas que não havia nenhuma hipótese de voltar", explica.

Surpreendido e desagradado, Dwayne Johnson descreve a publicação de Vin Diesel como "um exemplo de manipulação". O ator lamenta que o amigo tenha usado os filhos e a morte de Paul Walker para o tentar convencer.

"Tínhamos falado há alguns meses sobre isso e chegámos a um entendimento claro", assegura.

Importa referir que Dwayne Johnson e Vin Diesel tiveram no passado um desentendimento que quase acabou com a amizade entre ambos. Os dois garantem, contudo, ter resolvido os problemas.

Leia Também: Vin Diesel homenageia "irmão Paul Walker" oito anos após a sua morte

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.