Harvey Weinstein afastou-se de Hollywood em outubro do ano passado, após dezenas de mulheres darem a conhecer os seus testemunhos de assédio e abuso sexual contra o produtor. No entanto, a avalanche de acusações parece ter começado muito antes com o relato de Ambra Battilana Gutierrez.

Em 2015, a modelo foi capa do jornal Daily News, onde afirmava destemidamente “não ter medo” de Weinstein, dando assim a conhecer uma situação constrangedora que terá ocorrido em Tribeca.

Após tornar público o relato, a modelo afirma que isso teve implicações a vários níveis, nomeadamente no campo profissional. Passados três anos, Ambra revela que esteve afastada do mundo da moda, ao qual se prepara para regressar em breve.

“Estou mesmo feliz porque faz dois, três anos que não trabalho com estilistas porque a minha reputação estava péssima”, confessou.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.