Estamos a contar as horas para a chegada do Pai Natal e são muitas as tradições vividas pelas diversas famílias de todo o mundo.

Claro que os famosos não são exceção e também vivem esta época festiva a rigor.

"Às vezes é preciso apagar tudo o que se sabe e começar do zero"
"Às vezes é preciso apagar tudo o que se sabe e começar do zero"
Ver artigo

Em conversa com o Fama ao Minuto, Ana Galvão partilhou algumas curiosidades sobre o seu Natal, referindo que as tradições "são um misto de Espanha e Portugal" e recordando aquele que foi o Natal mais especial até aos dias de hoje: O primeiro passado junto do filho, Pedro, fruto da relação com Nuno Markl.

Agora que está a chegar mais um Natal... Como é que vive esta época? Quais as tradições, tendo o coração dividido entre Portugal e Espanha?

Vivo o Natal com alegria, porque somos uma família muito grande e com muitas crianças. As tradições são um misto de Espanha e Portugal. Turrões de Alicante e broas de milho. São sempre momentos de grande confraternização.

Sendo uma pessoa muito ligada ao estilo de vida saudável, como é por norma a sua mesa de Natal?

É bastante normal, porque a família é enorme e não obrigo ninguém a não comer o que tem vontade (sou chata, mas não sou ditadora! [risos]). Há de tudo, eu é que me abstenho de algumas coisas.

O que é que não pode faltar na mesa?

Torrões é uma coisa que adoramos, que compramos em Espanha, que se chama “mazapan” (massapão, no fundo!)

O que mudou na comemoração desta época com a chegada do Pedro?

Tudo. Depois de crescida deixei de dar tanta importância ao Natal, até à chegada do Pedro e dos meus sobrinhos. Aí passou a ser uma loucura completa, com crianças doidas, árvores, e contagem decrescente do relógio. O Pedro tem é um pai doido pelo Natal. Montam a árvore, juntos, no início de novembro.

Qual o melhor presente que se pode dar?

A quem, a mim? Adoro livros, mas, regra geral, aos adultos não damos presentes. Para os outros, o presente ideal é uma experiência, levar alguém a um sítio que gosta, um concerto, algo que a pessoa que o receba possa fazer.

Qual o Natal que mais a marcou?

O Natal em que o Pedro foi consciente da festa. O pai, o Nuno [Markl], vestiu-se de Pai Natal. O Pedro ficou impressionado, embora um dia os meus sobrinhos tenha exclamado: “o Pai Natal parece-se imenso com o tio Nuno!”. Foi memorável.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.