"O meu nome é João e sou o humano do Maravilha. Um cão que estava perdido na auto-estrada. A vida boa foi amplificada desde esse encontro", foi com estas palavras que João Manzarra começou a recente publicação que fez na sua página de Instagram. Uma partilha que começa por destacar a ligação que criou com o amigo de quatro patas.

"Além de me ter aproximado da natureza e de uma vida mais simples e autêntica, fez com que gostasse mais da pessoa que sou hoje. O meu pai dizia que ele é um anjo. Pode ser. O que é certo é que ele é a causa de grande parte da minha alegria, ou seja, amor. Obrigado por tudo companheiro", acrescentou, saindo, desta forma, em defesa dos animais.

"Como ele, há milhares de outros cães para adoptar e cuidar. Obviamente que nem todos temos de ter animais, mas como parte integrante da sociedade, somos todos responsáveis por eles. Utilizemos a razão que nos distingue como espécie para, por exemplo, criar melhores condições de resgate e acolhimento, aumentar permissão de animais em espaços públicos, denunciar e educar para evitar maus tratos e exigir legislação mais apertada. Precisamos deles e eles de nós. E já que a relação entre humanos é tantas vezes difícil e volátil, aproveitemos o afecto expectável e constante dos animais. Todas as vidas são importantes. Obrigado a todos os que lutam por elas", escreveu.

Uma mensagem que chega depois de toda a polémica que chegou com a morte das dezenas de animais num incêndio de Santo Tirso.

Leia Também: Revoltada com morte de animais, Rita Pereira assina petição e deixa apelo

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.