Rebel Wilson revelou que foi vítima de assédio sexual por parte de duas pessoas da indústria do entretenimento e em ocasiões distintas.

A atriz australiana, de 41 anos, falou do sucedido durante uma entrevista com a BBC.

O primeiro assédio aconteceu num quarto de hotel quando Rebel estava na casa dos 20, após ter sido convidada para conversar com um realizador de cinema.

"Literalmente pensei que ia ter uma reunião sobre comédia. Ele tentou dar-me mais e mais álcool", reflete.

A estrela nota que durante este encontro o realizador em questão recebeu um telefonema da mulher: "Ela começou a dizer: 'levaste a Rebel a esse quarto de hotel, vais dormir com ela'. Ouvi a mensagem. Foi a primeira vez em que pensei; 'meu Deus, o que é isto? O que se está a passar?'".

Foi neste momento que Rebel saiu do quarto e nunca mais voltou a falar com o cineasta.

A segunda vez em que foi assediada aconteceu no set de um filme que estava a gravar em Los Angeles, quando foi convidada a ir à caravana de uma estrela.

Wilson revela que esse ator "baixou as calças" quando ela entrou na caravana e fez-lhe um pedido inapropriado, enquanto os amigos filmavam o encontro com os telemóveis.

"Fiquei em choque. Foi do género, 'o que se está a passar?'. Só repetia, 'não, o que é isto?'. Do género, não, não, não", sublinha. "Os amigos dele estavam-se a rir e ele claramente a gostar", nota.

Rebel revela que agora tem a "coragem" de fazer sobre estes comportamentos "nojentos".

Leia Também: Foi assim que Rebel Wilson perdeu quase 20 quilos (de forma saudável)

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.