Convidado de honra da estreia londrina do filme “The Hobbit: An Unexpected Journey”, o príncipe William esteve ontem no Odeon Leicester Square sem sua mulher, Kate Middleton, que continua doente na residência do casal, no Palácio de Kensington.

William pisou sozinho a passadeira verde (sim, era mesmo verde) e lamentou a ausência da mulher: “Kate teria adorado estar aqui hoje, se pudesse”, disse ele.

A crer na imprensa inglesa, a mulher de William, grávida de oito semanas, continua a passar mal, com náuseas e vómitos, e não deverá sair de casa antes do Natal.

Naturalmente, o príncipe anda bastante inquieto e até já deu um sinal disso mesmo: “Não percebo porque é que eles (os médicos) lhe chamam enjoos matinais – deviam era chamar-lhe uma doença de todo o dia e de toda a noite”, desabafou ele, na passada segunda-feira.

Ontem, na estreia de “The Hobbit”, William mostrou-se calmo e simpático, conversou com as estrelas do filme, incluindo, naturalmente, a atriz principal, Cate Blanchett, e todos lhe desejaram as melhoras de Kate.

Veja imagens do evento na nossa fotogaleria.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.