Foi através de um vídeo que publicou na sua página de Instagram que Inês Aires Pereira partilhou com os seguidores um momento doloroso que viveu. Esta quarta-feira, dias depois de anunciar que está grávida pela segunda vez, a atriz "perdeu muito sangue" e teve de se deslocar a um hospital.

"Aconteceu-me uma coisa chata, tive um (acho que) descolamento da placenta. Ia entrar para o programa 'Cristina ComVida', íamos fazer um direto a anunciar que a Neuza estava grávida e do nada comecei a perder muito sangue. Tive que simplesmente sair, meter-me num carro e ir a correr para o hospital", começou por relatar esta quinta-feira, 19 de agosto.

"Ponderei bastante se fazia o vídeo, se falava sobre isto, mas depois pensei que faz todo o sentido porque, primeiro, quando estava a ir para o hospital em desespero, lembrei-me que isto já tinha acontecido a alguém. [...] Pensei que correu bem e pensei que é bom não nos sentirmos sozinhas nas coisas que nos acontecem, e que é importante falarmos sobre elas", explicou de seguida.

"Pensei também que fixe ter anunciado a gravidez antes das 12 semanas, porque se não tivesse dito nada passava por este episódio e também, se calhar, não dizia nada... É fixe nós mulheres falarmos umas com as outras, contarmos as nossas histórias porque estas coisas acontecem", frisou.

"Por milagre - e sinto que é por milagre por todo o cenário e tudo aquilo que aconteceu era muito óbvio que estava a perder o bebé -, quando fui ser examinada ele estava lá, estava vivo, com o coração a bater", destacou de seguida, referindo que partilha o seu testemunho para alertar que "acontece sangramento durante a gravidez, acontece perdas de gravidez e é normal".

"É fixe falarmos sobre isso para quando nos acontecer a nós não sentirmos que estamos sozinhas, e que não acontece só a nós, é a coisa mais normal do mundo", salientou.

Ao lembrar o momento em que estava a ser vista por uma médica, contou: "Disse-lhe que foi muito sangue e perguntei se ia perder o bebé. Ela disse que tinha sido, de facto, muito sangue, mas que acontece a toda a hora. 'A Inês não foi a primeira hoje e, se calhar, não vai ser a última'. Estas coisas acontecem".

"Espero muito que este bebé aguente aqui dentro da minha barriga e que se possa dizer: 'isto já aconteceu à Inês e o bebé sobreviveu'. Se não acontecer, bola para a frente, acontece, a gente tenta outra vez", continuou.

Antes de terminar, Inês Aires Pereira aproveitou para agradecer ao segurança do hospital que a "salvou na entrada". "Ele foi o meu herói. Foi o momento mais crítico e ele salvou-me... Apertei os braços, olhei para ele nos olhos e disse-lhe, 'estou neste momento a perder o meu bebé, ajuda-me'. E ele pegou em mim, levou-me pelas urgências do hospital, 'salvem esta mulher'. Ele foi um sonho. Não pude agradecer-lhe porque quando sai do hospital ele já não estava lá, mas se de alguma forma isto chegar ao segurança, ficou guardado no meu coração e foste incrível, muito obrigada por tudo", disse.

"Nas próximas uma ou duas semanas vou ter que estar em repouso a ver se isto para, se consigo aguentar o bebé cá dentro. Peço que me mandei as maiores boas energias", acrescentou.

Veja o vídeo na íntegra:

Leia Também: "Estava a ser muito difícil esconder", diz Inês Aires Pereira

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.