Esta sexta-feira, 1 de abril, Will Smith anunciou que se tinha demitido da Academia, depois de ter agredido o comediante Chris Rock com um estalo durante a cerimónia dos Óscares.

A Academia, evidencia a Variety, planeia conduzir uma investigação sobre o sucedido até ao dia 18 de abril, altura em que poderá decidir uma série de punições para Smith.

Entretanto, conforme nota a revista, eis o que a demissão da estrela de Hollywood significa:

  • Will Smith manterá o Óscar de ‘Melhor Ator’ pelo papel em ‘King Richard’;
  • Poderá continuar a ser convidado para cerimónias futuras (a não ser que seja decidido o contrário);
  • Poderá voltar a ser nomeado para os Óscares no futuro;
  • Perde o direito de voto enquanto membro da Academia dos Óscares.

No comunicado emitido por Will Smith este afirmou: “Traí a confiança da Academia. Privei os outros nomeados e vencedores da sua oportunidade de celebrarem e serem celebrados pelo seu trabalho extraordinário. Estou de coração partido”.

Leia as declarações completas: "Traí a confiança". Will Smith demite-se da Academia dos Óscares

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.