"Informação hospitalar útil... senhores responsáveis do nosso Governo: Uma coisa boa que este internamento me trouxe [foi] ver de frente a classe destes profissionais e as falhas que tanta falta fazem nestes quartos isolados de hospital". Estas foram as palavras que deram início a uma recente publicação de Katia Aveiro nas stories da sua página de Instagram.

Internada no hospital com Covid-19, a irmã de Cristiano Ronaldo fez questão de destacar o assunto na rede social. "Não tem televisão em nenhuma das alas nem para se entreterem, e tem gente que fica aqui dias e dias, sem visitas. Os velhinhos que não sabem mexer num telemóvel, a única coisa que têm é paredes e funcionários que lhes dão atenção sempre que podem. Isto não pode, nem deve ser uma prisão. Tem que ter o mínimo", disse.

"Onde está o apoio dado para estes serviços, vamos falar sobre isso? Se este é o meu karma, então estou feliz de estar aqui, ver e tentar ajudar. Vamos lá tentar ajudar. Já estou a fazer o meu apelo (telefonemas) e a minha parte. E tu, crítico de bancada, já fizeste a tua?", acrescentou.

Mas não ficou por aqui e decidiu identificar a Worten numa tentativa de conseguir obter ajuda para tal questão. Mensagem que chegou à empresa, que fez questão de responder: "Olá Katia! Para que possamos tentar integrar o pedido no nosso programa de responsabilidade social e corporativa, o responsável do hospital deve enviar um e-mail com as carências do hospital. Esperamos ter ajudado, obrigado".

Após a resposta, Katia Aveiro reagiu: "Já está a dar resultados o meu apelo. Vamos lá mandar o e-mail".

Leia Também: Hospitalizada, Katia Aveiro dá novidades sobre recuperação

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.