Ao longo dos últimos anos, Pamela Anderson tem-se revelado uma acérrima defensora dos direitos dos animais. E, pelo que consta, as campanhas da atriz já chegaram à Casa Real Britânica.

De acordo com o site Page Six, a ex-atriz de ‘Marés Vivas’ fez um apelo à rainha Isabel II de forma a que a morte de ursos fosse travada.

Em causa está o facto de se utilizar a pele destes animais para fabricar os longos chapéus que os guardas do Palácio de Buckingham usam. A publicação sublinha que por cada chapéu é morto um urso negro do Canadá.

Aliás, neste momento, a artista estará a trabalhar em parceria com um fabricante de peles falsas da Rússia e até já enviou dois protótipos à realeza.

Até agora a monarca ainda não comentou o assunto.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.