Apesar de não ser uma adepta do ‘Festival da Canção’, Maria Vieira não conseguiu ficar indiferente à polémica que acusa Diogo Piçarra, vencedor da segunda semifinal do evento, de ter plagiado a música que levou a concurso - 'Canção do Fim'.

A atriz recorreu novamente ao Facebook para, de forma crítica, expressar a sua opinião sobre o facto do cantor ter sido acusado de copiar a canção de um pastor da IURD (Igreja Universal do Reino de Deus) e acabou por compará-lo a Tony Carreira.

“Estamos aqui perante uma espécie de ‘O Plagiador II’, uma vez que o Tony Carreira - esse grande e famoso plagiador, jamais será destronado no que à arte de copiar o trabalho dos outros diz respeito!”, afirmou Maria Vieira, recordando as acusações de plágio que recaem sobre Tony Carreira.

Por fim, a artista questionou se a RTP iria continuar “a dar palco e cobertura a este ‘gamanço’ e a envergonhar Portugal perante aquelas poucas pessoas estrangeiras que perdem o seu tempo a ver o Festival da Canção” ou se Diogo iria ser desclassificado e impedido de participar na ‘Eurovisão’. Algo que não chegará a acontecer, uma vez que o cantor desistiu esta terça-feria, dia 27, da sua participação no festival.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.