Luís Jardim marcou presença no 'Cristina ComVida', da TVI, onde falou sobre a indústria da música, lamentando o facto de "nunca ter sido convidado para atuar em Portugal".

Ao recordar os vários trabalhos que já realizou, o produtor disse: "A indústria na Inglaterra [...], nós quando fazemos uma tournée com um artista grande, tocamos cinco vezes por semana. Fazemos uma tournée de um ano e meio".

"Cheguei a estar na estrada com o Bryan Adams 18 meses sem voltar a casa. Isso em Portugal não existe. Em Portugal fazes, se calhar, um concerto à sexta e ao sábado e dizes que estás em tournée. Tu não sabes o que é uma tournée", acrescentou.

De seguida, destacou: "Tive uma banda, Rouge, que durante cinco anos vendemos dez milhões de discos. Eu toquei em Espanha, aqui ao lado, e nunca fui convidado para vir tocar a Portugal. Mas era convidado para ir tocar ao Brasil porque eles estavam convencidos que eu era brasileiro".

“Tenho pena porque a minha família estava toda aqui, alguns dos meus amigos de infância, e eles nunca tiveram oportunidade de me ver em palco com a minha banda porque na aquela altura não era como agora. Agora ligas um vídeo e está tudo na Internet. Naquela altura não havia", realçou.

Leia Também: José Castelo Branco faz acusações à TVI sobre agressão de Zezé Camarinha

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.