Jennifer Aniston revela-se aos 43 anos uma mulher segura e muito à vontade com o seu corpo na capa de Março da edição americana da revista “GQ”.

Depois de ter sido considerada a mulher mais sexy de todos os tempos, a atriz tem-se revelado cada vez mais confiante e vai tirando partido da sua fantástica figura.

“Os meus trinta anos foram uma porcaria, mas os quarenta estão a ser fantásticos”, confessa Jennifer na entrevista que acompanha a fotorreportagem da “GQ” – uma produção em que a atriz surge ao lado do também ator Paul Rudd, com quem fez par romântico no filme “O Amor e Outras Cenas”.

Apaixonada pelo namorado Justin Theroux, Jennifer confirma que tem o desejo de ser mãe, mas que não planeia nada e espera que as coisas aconteçam naturalmente.

“Estou muito calma e muito tranquila em relação a esse assunto. O que tiver de ser acontecerá. Não gosto de fazer planos. Não digo: agora vou ter um bebé”, confessou.

Sobre os recentes rumores que a davam como grávida de gémeos, Jennifer sorri: “Acho que as pessoas gostavam que eu tivesse um bebé agora. Mas começo a ficar farta dessas notícias. Não estou grávida de trigémeos, não estou grávida de gémeos, nem sequer de um só bebé. Não estou deprimida com isso… Vou repetir: não estou grávida!”.

Jennifer Aniston confessa-se igualmente cansada das constantes referências ao seu casamento com ator Brad Pitt, de quem está divorciada há seis anos: “A sério, estou mesmo cansada do imaginário triângulo amoroso Jen-Brad-Angelina. Por favor, arranjem outro assunto. Ultrapassem o meu divórcio. Já está na altura…”

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.