Depois de filmes sobre os Queen e os The Doors e sobre artistas como Elton John e Johnny Cash, Adam Lambert sonha com um que conte a vida de George Michael. "Adorava que fizessem um biopic [longa-metragem biográfica] sobre ele. Acho que seria muito interessante", afirmou em entrevista à edição inglesa do jornal Metro. "Tenho a sensação de que não sabemos muito sobre ele. Eu estou disponível", assume o cantor, compositor e ator de 38 anos.

Dexter Fletcher, realizador de "Bohemian rhapsody", que mostra o percurso dos Queen, também autor do filme "Rocketman", sobre Elton John, já foi abordado sobre essa possibilidade mas não se comprometeu. "É uma pessoa incrível mas preciso de explorar outras pistas", limitou-se a referir. Tal como Adam Lambert, George Michael colaborou com os Queen em 1992, 24 anos antes de morrer. Atuou com eles ao vivo num concerto de tributo a Freddie Mercury.

Adam Lambert, que pode ver na galeria de imagens que se segue, foi convidado para substituir o mítico vocalista da banda britânica em palco em 2011. Em 2016 e 2018, o projeto Queen + Adam Lambert atuou em Lisboa. Nascido em Indianapolis, no Indiana, nos EUA, o extravagante e camaleónico artista, que já vendeu mais de oito milhões de discos em todo o mundo, acaba de lançar o seu quarto álbum. "Velvet" é o primeiro disco que o cantor grava desde 2015.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.