A crise da família real britânica continua a ser tema de assunto na imprensa internacional. No meio de toda a controvérsia uma das coisas que mais deu que falar foi a alegada zanga entre Harry e William - que os dois fizeram questão de negar através de um comunicado.

Segundo a jornalista inglesa Penny Junor, autora do livro 'Prince Harry: Brother, Soldier, Son', o plano inicial de William era que Harry se tornasse o seu braço direito quando este fosse rei, algo que não irá acontecer tendo em conta os acontecimentos recentes.

"Ele ficaria com as áreas em que o William não é tão bom. Iriam completar-se um ao outro, estando lado a lado, ao longo das suas vidas", afirmou em declarações à revista People.

"Era uma ideia muito bonita. O Harry era realmente a 'arma secreta', de verdade", fez saber.

Ainda não visão de Penny, Harry nunca lidou bem com o facto de ser o "substituto" de William, algo que fez com que toda a sua vida fosse comparado ao irmão.

Leia Também: Foi esta a reação do príncipe Harry quando confrontado sobre crise real

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.