Após ter ganho o Óscar de Melhor Ator na passada noite de domingo, Gary Oldman foi acusado pela antiga companheira, Donya Fiorentino, de violência física e psicológica.

Na sequência das notícias que têm vindo a público sobre o assunto, o filho ator, Gulliver, saiu em defesa do pai, afirmando que as acusações da sua mãe são “enganosas por perpetuarem um episódio que não aconteceu”.

“Eu estava lá no dia do ‘incidente’, por isso quero deixar isto claro: Não aconteceu. Quem disser o contrário está a mentir”, frisou o jovem de 20 anos, citado pela revista People.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.