Uma brigada da polícia invadiu ontem a mansão de Justin Bieber em Calabasas, na Califórnia, encontrou uma quantidade não especificada de drogas ilegais e prendeu Lil Za, um “rapper” amigo do cantor.

Munidos de um mandado judicial, os agentes entraram na residência de Bieber com a missão de encontrarem provas que ligassem o jovem artista a um ataque com ovos à casa de um vizinho quando descobriram algumas doses de “molly”, uma substância proibida semelhante ao ecstasy.

No final da busca, a polícia levou para a esquadra, sob detenção, o presumível dono da droga, Lil Za, que acabaria por ser libertado horas depois, após pagamento de uma multa de 70 mil dólares.

O “rapper” vai ter de responder em tribunal, onde arrisca uma pena de um ano de cadeia.

Bieber, que assistiu à rusga com um grupo de amigos, não foi incomodado por causa da droga, mas continua em sarilhos.

Um vizinho acusou-o de lhe ter alvejado as paredes da casa com duas dúzias de ovos e o cantor poderá vir a ser acusado do crime de vandalismo e, até, preso.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.