Um cartaz com a brasileiraAdriana Limadebiquíni tem sido alvo de duras críticas na Alemanha. A polémicacomeçou quando a imagem - de 114 metros quadrados - foi instalada em frente a um badalado ponto turístico de Munique.

Segundo o jornal Süddeutsche Zeitung, os turistas têm parado para tirar selfies em frente ao outdoor de Adriana mas os moradores, guias turísticos e o conselho municipal de igualdade entre os sexos registaram queixas contra a peça que, segundo eles, retrata a brasileira "seminua".

De acordo com o site Ego, a publicação alemã revelou que o anúncio - da marca italiana de lingerie e moda praia italiana Calzedonia - já foi classificado como "machista" e "monstruoso".

Ao jornal, a presidente da câmara de Munique, Christine Strobl, questiona a propaganda: "Já vi publicidades mais antifeministas, mas uma publicidade de biquíni num local que é símbolo da cidade não é bom".

A deputada Lydia Dietrich, do Partido Verde, também criticou o tamanho, a localização e a mensagem do outdoor: "O cartaz ensina às meninas: vocês devem ser o mais magras possível, quase anoréxicas."

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.