Regé-Jean Page, protagonista de 'Bridgerton', confirmou através da rede social Twitter as informações que davam conta de que teria perdido o papel de avô do Super-Homem, na série 'Krypton', por ser negro.

"Ouvir essas conversas não dói menos agora do que doía naquela época", referiu, confirmando as informações divulgadas por fontes ao site The Hollywood Reporter.

"Os esclarecimentos quase doem mais, para ser honesto", continuou, deixando claro que, apesar de surgirem pelo caminho obstáculos como este, tem ao longo dos anos conseguido fazer o seu trabalho. "Ainda voamos", realça.

Segundo o site acima referido, e de acordo com as fontes, terá sido Geoff Johns, produtor e guionista que comandou o departamento criativo da DC Entertainment entre 2010 e 2018, quem não aceitou a escolha de Regé-Jean Page para o papel em questão. "O Johns, que supervisionava o projeto, disse que o Super-Homem não poderia ter um avô negro", cita o The Hollywood Reporter.

Reagindo à polémica, os representantes de Geoff Johns tornaram público um comunicado onde é explicado que o produtor não escolheu o ator para o papel por, alegadamente, acreditar que "os fãs esperavam que o personagem já não fosse parecido com Henry Cavill" - o intérprete do super-herói nos filmes mais recentes da DC Comics.

Cameron Cuffe acabou por ser o ator escolhido para o papel.

Leia Também: Britney Spears já foi vacinada contra a Covid-19. "Não senti nada"

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.