Helena Otto, leitora da Jardins, tem uma casa com terraço no
Porto, na zona do Amial, com uma área com 120 m2.

É um espaço utilizado para diferentes funções,
desde refeições exteriores, zona social para receber
os amigos, zona de trabalho ao livre e solário.

A arquitecta paisagista Helena Chambel e a decoradora Ana Cristina Antunes elaboraram um projecto para aquele espaço. «Tentámos conjugar todas
as necessidades neste espaço,
subdividindo-o em diferentes zonas funcionais
que são tratadas de forma diferenciada em
termos de ambiente e decoração mantendo-se
no entanto a mesma linguagem, o mesmo
estilo de decoração e as mesmas cores, de
forma a que o espaço nunca perca a sua leitura
como um todo», justificam.

Este terraço tem uma forma bastante
irregular, o que dificulta a sua utilização. «Para
simplificar o desenho do novo pavimento e
para dar uma melhor leitura da composição do
espaço, propomos que o pavimento em deck
seja contínuo e que todos os recantos sejam
preenchidos com vasos e floreiras de diferentes
tamanhos, que irão ficar escondidas por trás
duma linha de deck vertical que servirá de
remate», sugerem.


Veja a GALERIA DE IMAGENS VASOS E FLOREIRAS

 

As plantações propostas são variadas
em termos de alturas, texturas e tonalidade
quer de folhagem que de floração. Vamos
ter alinhamentos de bolas de buxo (com
diâmetros de 0,30 a 0,4m), que contrastam com manchas continuas de rosmaninhos,
cupheas, alecrins, hidrangeas, azáleas. Em
zonas específicas, são propostas plantações
de flores de época, que poderão variar entre
cyclamens, fresias, tulipas, begónias, cinerarias,
etc. Os tons propostos para as plantações estão
em sintonia com os propostos para a decoração
(rosa, roxo, lilás, branco).

São propostas uma série de plantações
isoladas de arbustos talhados em pirâmide
(teixos/loureiros), e em bola (ligustrum/
eugenia), em grandes vasos de resina de
polietileno (diâmetros 0,45 0,65 0,90) cor
castanho chocolate, sendo introduzidos como
forma de apontamento de cor alguns destes
mesmos vasos cor de rosa também com as
mesmas espécies de arbustos talhados.

Veja na página seguinte: As cores e o mobiliário que aumentam o conforto do espaço

Zonas funcionais

As três zonas funcionais distintas incluirão uma zona
associada aos quartos, mais privada, destinada
a uma utilização pelos proprietários como zona
de estar, solário e trabalho.

«Para este espaço,
são propostas duas espreguiçadeiras com
almofadas em tons de rosa, uma mesa de apoio
e um
guarda-sol que permita a criação de zonas
de sombra quando necessário», sublinham as especialistas.

A individualizar
esta zona são colocadas duas grandes floreiras
rectangulares (0,96 m), também em resina
de polietileno de cor castanho chocolate,
plantadas com um alinhamento de azáleas.
A zona em frente das salas será o espaço
mais social do terraço, com a introdução de
um local de refeições com uma mesa com oito
cadeiras e também uma zona de cocktails,
mais informal que será dotada de uma série de
poufs (queijos) em tons rosa ou roxo, ladeados
por pequenas mesas em cerâmica cor de
chocolate.

A zona próxima da cozinha será
dedicada às plantas aromáticas com a
colocação de uma estrutura de minigarden
vertical de cor branca para plantas de uso
culinário e a plantação em vaso de uma
colecção de alfazemas, alecrins, tomilhos ou
camomilas.

«São também propostos dois
grandes vasos com limoeiros/laranjeiras
talhados», sugerem. Para facilitar a arrumação das
ferramentas e outros elementos, é colocado
um grande baú da mesma linha de material
das cadeiras e espreguiçadeiras. «Propõe-se
também a colocação de uma mesa de
trabalho em madeira e ferro que permita
facilitar os trabalhos de jardinagem
tais como plantações, sementeiras e
envasamentos», acrescentam ainda.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.