Líder na criação de papel de parede com imagens fotográficas e ilustrações, a House Frame foi criada em 2013, em Barcelos, por José Manuel Costa, com a venda de fotografias da sua autoria, em molduras de grande formato. Nesta altura os temas que serviam de inspiração ao autor, baseavam-se nas paisagens de Portugal, e eram principalmente procurados por profissionais de decoração e criação de ambientes, fazendo com que a House Frame se destacasse no segmento da decoração. 

Com o crescimento do mercado imobiliário e do turismo em Portugal, José Manuel Costa acreditou que podia estar à altura de dar resposta às novas tendências que o seu público procurava. Aumentou então a sua equipa com um criativo que introduziu a ilustração nos temas e a fusão com a fotografia através da união da criação artística e da manipulação digital, obtendo um novo conceito de padrões próprios e temas ainda mais inspiradores e impactantes.

Com esta transformação, a marca ganhou ainda maior reconhecimento, resultando na abertura de um atelier de desenvolvimento de projetos. Em 2017 a equipa volta a crescer com a parceria estabelecida com duas marcas reconhecidas no mercado de revestimento de paredes, a Gaudi e a Anaglypta.

Na constante busca para inovar, a House Frame convidou designers clientes, de referência no mercado na criação de ilustrações únicas, para o lançamento do novo catálogo em 2022, onde se destacam Joana Aranha, Munira Bonnet e Jaime Morais.

No decorrer do tempo, a marca cooperou em vários projetos em Portugal e noutros países europeus, trabalhos de decoração com fotografia e moldura em parceria com Joana Aranha para a Deloitte, imagens retroiluminadas e molduras para o Hotel São João XXI e para o Tempus Hotel & Spa, entre outros trabalhos para entidades como o Hotel Monumental e para o gabinete de decoração Oito Em Ponto.

A House Frame, destaca-se no mercado através da sua atenção aos pormenores, com exigência na qualidade com valor agregado, diferenciação e no requinte de temas que contam histórias e que criam ambientes mágicos.

Dica Portugal Faz Bem

Quem opta por colocar papel de parede num qualquer ambiente é porque não quer optar pelo discreto, já que é um material de revestimento potencialmente mais sofisticado do que uma tinta ou um estuque simples. 

Optar por papel de parede pode também ser um ótimo recurso para disfarçar uma imperfeição de parede e ainda um excelente meio para aumentar ou diminuir dimensões, já que riscas ao alto fazem um espaço parecer mais alto e as riscas ao baixo, num espaço demasiado alto, podem fazer parecer mais baixo e acolhedor.

Há categorias básicas de papel de parede, uns impressos manualmente e mais personalizados e outros impressos à máquina que se podem tornar laváveis, impermeáveis e bastantes resistentes, mas todos eles, dependendo do padrão utilizado, podem conferir muito estilo.

De um modo geral os papéis de parede mais pesados duram mais tempo e são mais fáceis de colocar do que os leves, mas a opção depende sempre de uma questão de gosto.

Fique a conhecer mais empresas portuguesas aqui.

www.portugalfazbem.pt

https://www.facebook.com/portugalfazbempt

https://www.instagram.com/portugalfazbem

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.