Nos espaços rurais podemos encontrar este estilo em estado puro, mais ligado à natureza e com um ar simples. No entanto o conforto é indispensável pois estes são espaços acolhedores e recetivos. Aqui as texturas e peças artesanais ganham mais destaque. Um tronco de arvore pode ser ele próprio um lugar de assento, uma mesa de apoio, ou pode servir de base para um vidro, numa mesa de apoio ou de jantar. Os tons são maioritariamente neutros podendo encontrar-se apontamentos de tons laranja, ocre, vermelho ou amarelo a contrastar. As texturas são muito usadas quer no próprio material quer em tecidos naturais.

Nos espaços urbanos aparece com um ar mais requintado, de influência provençal ou romântica. Os móveis aparecem pintados de branco integral ou com patine envelhecida, com apontamentos metálicos, vidro e/ou de couro. Encontramos tons pastel, como o rosa e o verde água, e padrões florais em almofadas, estofo de cadeiras e abat-jours.

As plantas são parte integrante desta decoração, em especial os arranjos de flores secas. Estas são perfeitas para decorar o ambiente e requerem pouca manutenção. Aparecem em vasos junto a lareiras ou em jarras decorativas em consolas e mesas de apoio.

Fácil de recriar, a hôma Happy Home Living faz um apanhado de tudo o que se destaca nos ambientes rústicos, para que possa decorar a sua casa neste estilo intemporal.

Materiais privilegiados

Caracterizado por materiais puros e acolhedores, muito semelhantes aos que vemos na natureza, as madeiras de texturas e acabamentos naturais são protagonistas.

Estas são o material mais usado no mobiliário rústico, com acabamentos natural ou vernizes, que destacam os seus veios. Aparecem muitas vezes pintadas de branco, de forma simples ou com efeito decapê.

A sua função é a de trazer conforto visual e “temperatura” ao espaço, ao mesmo tempo que nos remete para os nossos antepassados.

A pedra, o cobre, a palhinha e os vidros aparecem muitas vezes misturados com as madeiras. Quer para cimentar as características do estilo quer para lhe dar um ar mais sofisticado.

Os materiais cerâmicos são encontrados em candeeiros, peças decorativas e pavimentos. Fáceis de limpar conferem ao espaço um aspeto cuidado.

Outros materiais de grande destaque são o vime e o rattan, usados essencialmente em acessórios, como puffs, vasos e cestos porta revistas, mas podem ser também encontrado em poltronas e alguns móveis.

Os tecidos para estes ambientes

Estes espaços são bastante naturais e no que toca aos tecidos não é exceção. Lisos ou texturados, o linho é dos tecidos mais procurados para estes ambientes uma vez que proporciona leveza ao espaço, no entanto pode ainda encontrar algodões com padrões florais ou xadrez.

Apontamentos de cor

Quando falamos em estilo rústico, o que nos vem de imediato à cabeça são as cores claras, como o branco, os cremes naturais e os tons terrosos, mas podemos encontrar alguns espaços com tons pastel como o rosa e o verde água na sua vertente mais romântica.

Nos espaços mais modernos é ainda frequente encontrar apontamentos em preto e nas várias tonalidades de cinza.

Iluminação

A iluminação deste estilo é acolhedora, quente e é feita de forma pontual, com candeeiros nos materiais característicos do próprio estilo, onde os diferentes materiais se conjugam entre si de forma harmoniosa, ou com iluminação indireta, sempre com luz quente e amarelada.

De linhas clássicas e tradicionais, as bases destes candeeiros dão suporte a abat-jours de tecidos naturais, de vime ou ratan.

Este é um estilo intemporal que nunca sai de moda. Em hôma Happy Home Living pensa-se em cada detalhe para que possa criar o espaço rústico que tanto ambicionou.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.