As árvores são muito mais do que elementos de sombra num jardim. São elementos decorativos com cor e aroma. Por vezes, são produtoras de fruta e, quando em flor, tornam-se manchas de cor vibrante, tal como sucede quando as suas folhas mudam de cor no fim do verão. Podem ainda ser podadas, tornando-se esculturas vivas e em constante mutação, conferindo diversidade e (maior) encanto aos espaços.

Quando estamos no outono, as árvores tornam-se presentes na nossa paisagem pelas cores castanhas e avermelhadas e pelo cair das folhas das espécies caducas. A escolha destas últimas é muito funcional se forem colocadas numa localização que necessite de mais luz durante o inverno, como sucede em muitas zonas de sombra. Como a árvore fica reduzida às suas ramagens nuas, a luz passa por ela.

Como escolher uma árvore

Existem inúmeras árvores que são dignas de serem consideradas exuberantes. Pela floração ou pela originalidade dos troncos ou das folhas, da sua cor ou da forma distinta, mas, acima de tudo, porque embelezam qualquer parque, rua ou jardim, melhorando o ar que respiramos.

Lembre-se que cada espécie tem as suas preferências de solo, temperatura, rega e exposição solar e que muitas vezes o balanço destas poderá resultar numa explosão de flores ou numa tímida floração. Estas são algumas das variedades a que pode recorrer:

- Eritrina

Uma árvore que exala toda a sua beleza durante o frio é a Erythrina speciosa. As lindíssimas flores vermelhas surgem durante o inverno, colorindo o jardim durante esta época mais dormente. É caduca e tem um crescimento rápido, chegando a atingir os cinco metros de altura. É uma árvore excelente para cercas, mas pode posicioná-la isoladamente no seu jardim para um toque de cor.

- Ácer

Os tons avermelhados de um Acer palmatum, espécie caduca, é o exemplo perfeito para confirmar a estação. Esta árvore tem o seu pico de cor vermelha no outono. Atinge os oito metros de altura e floresce timidamente no início da primavera, onde se podem observar flores de cor roxa, ainda que poucas.

Escolha árvores exuberantes para o seu jardim

 Veja na página seguinte: Outras árvores vistosas que pode plantar no seu jardim

- Magnólia

Tal como a eritrina, a magnólia possui um porte mediano, podendo atingir os seis metros em idade adulta. É também uma árvore caduca mas, quando desprovida de folhas, veste-se de grandiosas flores em forma de cálice, que podem ser brancas, rosadas ou amarelas, de perfume delicado. A floração surge no fim do inverno e a espécie mais comum em Portugal é a Magnolia x soulangeana.

- Prunus

Alguns jardins têm pomares, onde colhemos os frutos como ameixeiras ou cerejeiras, pessegueiros ou damasqueiros, amendoeiras, entre tantos outros que fazem parte da nossa mesa. O prunus apresenta centenas de espécies, algumas arbustivas, outras arbóreas. Não só usados pela sua fruta, algumas espécies são largamente utilizadas pela sua beleza ornamental, como é o caso da cerejeira ornamental Prunus serrulata.

Conhecida como cerejeira-do-japão ou sakura, esta árvore caduca é utilizada em parques e jardins japoneses e tornou-se um símbolo desse país, embora se acredite ser oriunda da China. As suas flores brancas rosadas preenchem os troncos na primavera, colorindo parques e jardins. Nalguns países asiáticos, formam verdadeiros montes de flores depois dos rigores dos meses de maior frio.

Esta árvore de crescimento rápido atinge, em média, os 10 a 12 metros de altura, podendo, nalguns casos, ultrapassar esta dimensão. Tenha isso em conta, se optar por exemplares desta variedade botânica, para o seu jardim. Estas árvores preferem solos com boa drenagem e uma boa exposição solar.

Escolha árvores exuberantes para o seu jardim

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.