Todos os jardineiros se deparam com os mesmos problemas. A diferença está na forma como os resolvem.

Se quer tornar-se numa jardineira de topo, conheça algumas das respostas às principais dúvidas de jardinagem com que os jardineiros amadores mais se deparam e aprenda a ultrapassar situações que podem revelar-se menos complicadas do que à partida parede.

Antes
de plantar

Saber fazer a escolha certa para as suas flores é fundamental. A primeira impressão permite logo
distinguir as plantas doentes. No caso de
rosas, escolha plantas com porte harmonioso
e folhas lustradas, sem manchas
nem insectos. Se não tiverem as flores
abertas melhor ainda, pois poderá desfrutar
do desabrochar após a plantação.
No que diz respeito à cor, escolha a que
melhor combina com o jardim. Aposte
em espécies clássicas como a Queen
Elizabeth e a Ophelia.

Rega

A água deve chegar a todos os cantos. Antes de plantar, planeie o sistema de
rega para chegar a todos os pontos do
jardim. Faça um plano da superfície com
os detalhes de desníveis, árvore e qualquer
estrutura. A rega por gotejamento é
a mais indicada para maciços, enquanto
os aspersores são mais indicados para o
relvado. Convém aplicar bocas de rega
que permitam levar a mangueira a novas
plantações. Vigie a drenagem do terreno.

Respeite as distâncias entre as árvores

Se vive numa zona seca, opte por
palmáceas, coníferas, crasas ou suculentas
porque necessitam menos rega.
Se a zona é húmida, castanheiros ou
arces, entre outras. Informe-se sobre o
desenvolvimento futuro das espécies
para manter a distância necessária entre
plantas. Se o jardim é pequeno, limite as
árvores a um par de escasso desenvolvimento
ou que admitam bem a poda,
como buxo, mimosa ou camélia.

Aromáticas ao sol

Vistosas, resistentes à seca e muito fragrantes,
as aromáticas (lavanda, tomilho
e alecrim) apenas necessitam manutenção
e suportam todo o tipo de solos, inclusive
os mais pobres. O forte aroma que exalam
resulta dos óleos essenciais que acumulam
nas folhas para suprir a falta de água ocasionada
pelo calor. Os raios de Sol favorecem
a floração.

Veja na página seguinte: Como fazer o melhor planeamento do seu jardim

Planeamento

Crie zonas de intimidade com cortinas
naturais ou artificiais.

Proteger o jardim de olhares indiscretos
é uma tarefa que pode ser levada
a cabo com meios naturais ou artificiais
que devem estar previstos no
projecto inicial.

Sebes formais ou informais
de tejo, cipreste ou tuia impedem
a passagem do vento e isolam mas
ocupam espaço e devem ser evitadas
em jardins pequenos. Os arbustos de
copa alta são boa solução. Também
pode instalar gelosias de madeira cobertas
com trepadeiras, pérgolas
ou canas.

Onde deve ficar a zona de estar

Um cantinho ao fundo do jardim é perfeito
para criar uma área de descanso.
Pode aproveitar a sombra das árvores
ou instalar uma pérgola sobre madeira,
gravilha ou laje. No que diz respeito
ao mobiliário, assegure-se de que é
cómodo e de fácil manutenção e que
se enquadre no estilo do jardim.

Como preparar terreno para os maciços

Pode instalar os maciços no meio do relvado,
num cantinho ou a acompanhar um caminho,
ao sol ou à sombra, de acordo com as
espécies escolhidas. Antes de plantar, cave
o terreno, limpe e aplique matéria orgânica.
Pode delimitar o maciço com uma bordadura
de ladrilho ou pedra. Coloque as plantas
de maior desenvolvimento no fundo e à frente
as mais pequenas. Para maciços primaveris,
plante vivazes no final do inverno. No que se refere aos
de verão, anuais, deve fazê-lo no final da primavera.

Ajardinar terraços

Converter o terraço num pequeno espaço
ajardinado é muito fácil. O principal é
encher a zona de plantas distribuídas por
todo o tipo de vasos e cestos pendentes. Estes últimos permitem ajardinar na
vertical sem roubar espaço. Pode instalar
gelosias cobertas com trepadeiras, plantar
árvores ou pequenos arbustos, juntar
um pequeno lago ou mobiliário
de exterior.

Evitar infeções e pragas

As feridas da poda podem converter-se
numa excelente porta de acesso para pragas
e doenças fúngicas se não forem observadas
regras essenciais. Os cortes devem ser limpos
e se à primeira não consegue o resultado
esperado, convém limpar de seguida com
a ajuda de uma navalha afiada. Um truque
para não partir ramos muito largos durante
a poda é ir cortando pedaços.

Caso não seja
possível, opte por cortar a 30 cm da axila
para depois corrigir o resultado em caso
de necessidade. Cure as lesões com pasta
cicatrizante. Esta atua como barreira face aos
parasitas e acelera a cicatrização.

Veja na página seguinte: Como cuidar das rosas

Como cuidar das rosas

Uma boa poda melhora a saúde das roseiras,
ajuda a conferir forma e favorece
o aparecimento de flores de qualidade e, nalguns casos, em maior número.


Faça a poda no final do inverno depois
das geadas e aproveite para eliminar ramos
secos e velhos.

Se tem roseiras com
flores duplas, corte até deixar três gemas
por ramo. Se têm flores simples, corte
um terço do volume total. Faça os cortes
em forma de bisel virado para fora.

Os trabalhos essenciais de manutenção

O jardim exige bastante trabalho,
sobretudo na primavera e no verão.
Há sempre tarefas a cumprir, nomeadamente alinhar
maciços, tratar pragas e doenças, arrancar
daninhas ou cortar flores secas. A superfície máxima que recomendamos
cuidar sem ajuda, se tem relvado,
maciços e caminhos, é de 500 m2. Se
é formada por espécies rústicas e autóctones
e tem caminhos fixos,
de 1.500 m2.

Resolva o problema das daninhas de vez

Elimine as daninhas antes que libertem
sementes, a principal fonte de propagação,
e extraia-as de raiz à mão ou com
a ajuda da enxada. Queime o material
retirado para eliminar as sementes. Uma boa cobertura de cortiça ou gravilha
dificulta o aparecimento de novas
infestantes ao impedir que recebam sol.
Em último caso, recorra a herbicida.

Recorra a profissionais para os projetos

Consultar especialistas ajuda a estabelecer
as linhas mestras do projecto. Existem dois
tipos de necessidades, estéticas e práticas,
que o profissional ajuda a resolver, tendo
em conta a orientação, a exposição e/ou os
desníveis. Para aquisição de plantas, faça
as compras num centro de jardinagem de
confiança e planeie a respectiva instalação
num esquiço.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.