Veja o vídeo do Sapo Zen sobre o tema

Caranguejo

Um chefe caranguejo pode ser um chefe por vezes instável. Ou seja não será fácil lidar com ele dado que muitas vezes brinca ou sorri mas outras pode ser extremamente exigente e rabugento. A sua forma de estar tem a ver com o modo como as coisas estão na sua vida familiar e pessoal.

Normalmente têm boa memória quando têm que promover funcionários, mas também não esquecem a devoção e a entrega dos mesmos para consigo. São chefes bastante esforçados e ainda que o dinheiro seja para eles importante, não são gananciosos. Para si os meios não justificam os fins.

A família estará sempre em primeiro lugar e podem muitas vezes acolher a equipa como recebem os familiares. São generosos e bondosos para quem os ajuda. São muitas vezes inseguros, sensíveis e meigos no trato. São bastante compreensivos com os problemas da equipa, pelo que são chefes que gostam de liderar acompanhados e ouvindo as diferentes opiniões à sua volta.

São pacientes, sonhadores e que terão sempre em consideração diferentes pontos de vista.

O empregado caranguejo

Os empregados caranguejos são aquelas pessoas realmente devotas e agradecidas pelo lugar que ocupam. Deram tudo em prol da segurança que precisam, do dinheiro que necessitam e dos afetos que vão construindo. Não são dados a mudanças mas podem-se sentir muitas vezes divididos entre o que são e o que devem ser. São confiáveis e não gostam de chefes autoritários ou ríspidos dado a sua natureza sensível e dócil.

Muitas vezes podem parecer instáveis e com uma grande necessidade de saber qual o seu futuro na empresa em que estão.  Como têm muitos receios, podem por por vezes sentir alguma insegurança ou
um espírito de dificuldade em se adaptarem. Precisam de sentir no trabalho uma família, em que as relações são de afeto. Por vezes é necessário vencerem alguma timidez e vergonha para que possam de alguma forma chegar mais longe nos seus objetivos. São esforçados mas têm que ser tratados com alguma atenção. Podem amuar pois, por vezes podem esconder as suas reais intenções por não se acharem dignos ou merecedores de determinada situação no trabalho.

São extremamente temperamentais e sensíveis ao ambiente à sua volta.

Escorpião

Um chefe escorpião poderá ser um chefe que sai sem dizer a que horas volta. Gosta de manter no ar um certo mistério,  o que faz com que toda a equipa nunca saiba com o que pode contar. São, no entanto, chefes dedicados e bastante sensíveis. As mudanças não o assustam ainda que tenha uma natureza bastante sensível, não hesitará em reformular a empresa sempre que necessário. As palavras dele serão suaves mas com muita determinação no que quer.

Não lhe tente fazer frente ou esconder nada. Não se assuste com os seus silêncios que, por vezes, podem espelhar alguma frieza. Ainda que possa parecer desligado vai estar atento a tudo. É um chefe que não descansa até conseguir tudo aquilo que precisa, tendo uma resistência e uma força muito superior ao que aparenta. Irrá defender com unhas e dentes aquilo em que acredita e nunca deixará nada por dizer ou até mais tarde mostrar em forma de vingança. Este será um chefe que nunca irá conhecer completamente.

 

O empregado do signo de escorpião

O empregado escorpião será alguém que pode ferver em pouca água. Nem sempre as suas palavras serão diretas, mas as suas vontades serão bem claras. Falamos de um empregado que sabe o que quer, que assume os seus erros e que é muito verdadeiro perante as suas necessidades. Pode no entanto não ser bem entendido e parecer ausente.

Precisa de liberdade para agir, no entanto ainda que destemido, os seus timings são bem próprios. Não espere encontrar alguém apressado no que faz ou superficial no que diz. São perseverantes, sérios e exigem um enorme respeito dentro da equipa. São perspicazes e facilmente apanham críticas que lhe sejam feitas em surdina.

O facto de serem extremamente verdadeiros com eles mesmos, faz com que lutem pelo que querem sem o medo de recomeçarem.

Peixes

O chefe peixes é um chefe dedicado e preocupado com as necessidades dos que trabalham para ele. Ainda que muitas vezes prefira estar sozinho é bastante compreensivo face às necessidades das pessoas com quem trabalha.

Pode ter dificuldade em ser rígido nas palavras. Mandar não é o seu forte. Muitas vezes até dizer aquilo que precisam é difícil, podem fazer muitos rodeios e facilitar demasiado a vida dos seus colaboradores. Prefere assumir mais responsabilidades do que ter de prejudicar ou exigir demasiado, sobretudo daqueles funcionários que possam ser mais sensíveis ou estar a passar por momentos mais delicados.

São excelentes realizadores e produtores. São os que pensam em tudo e fazem caridade. São os maestros. Aqueles que querem ajudar e servir. Serão aqueles que irão escutar de forma sincera toda a equipa e que rapidamente poderão querer ajudar. Serão cautelosos e discretos.

 O empregado do signo de Peixes

 Ter um empregado do signo de peixes é estar à espera de encontrar a cada dia uma pessoa diferente. Regidos pela natureza muitas vezes instável da água, a sua natureza pode ser a de quem sonha para chegar a um patamar melhor, mas simultaneamente aquele que se queixa em prol de não ver os seus sonhos alcançáveis.

São pessoas que tentarão não ferir os parceiros e colegas de trabalho e pessoas com valores bem definidos. Podem sentir-se muitas vezes incompreendidos por poderem ter alguma dificuldade em dizer que não. Não são fáceis de ser compreendidos pois também podem ser pessoas com muitas dúvidas e confusões internas acerca daquilo que querem e que tem como objetivos.

São reservados e com uma calma aparente. Nunca se sabe o que se passa no seu mundo e nas suas tantas
ideias. Regidos por neptuno são sonhadores mas bastante retraídos no plano da matéria.

São excelentes criativos dada a sua imaginação. Daí muitas vezes trabalharem em áreas de artes, escrita, música e são também excelentes professores ou curadores. No entanto, são por vezes um pouco distraídos e nem sempre têm a energia física necessária.

Poderão não lidar bem com a falta de elogio ou com o facto de serem repreendidos. Já podem ter passado por trabalhos em que foram maltratados, e a sua natureza super sensível poderá temer que o mesmo aconteça. Não são competitivos por isso nunca ameaçarão outros elementos da equipa.

Alexandra Ramos Duarte

#astrologiasemtabus

Ouça o áudio da entrevista sobre o tema

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.