Balança é conhecido como sendo o conciliador do Zodíaco, já que os seus nativos têm um apurado sentido de justiça e uma grande necessidade de harmonia, o que faz com que procurem sempre evitar os confrontos. A energia desta Lua Cheia é apaziguadora, mas, porque a Lua está oposta ao fervoroso Sol em Carneiro, não deixa de nos lembrar que é importante saber fazer valer a nossa opinião e defender o nosso lugar.

Carneiro é o primeiro signo do Zodíaco e tem uma energia muito individualista e centrada nos seus próprios interesses, Balança é voltado para as parcerias e tem sempre uma grande preocupação com as opiniões dos outros, podendo até preferir calar-se para não ferir suscetibilidades. Esta dualidade é ativada pela Lua Cheia em Carneiro e, por isso, é possível que sejam postas em destaque situações que nos obrigam a tomar uma posição — escolhemos defender aquilo que entendemos como sendo um direito nosso, ou optamos por manter a harmonia, ainda que isso possa obrigar-nos a relegar para segundo plano as nossas necessidades e opiniões?

Que seja claro, atenção, que nem Carneiro é egoísta nem Balança é submisso — as energias destes dois signos tendem a acentuar estas caraterísticas.

A tendência para o egocentrismo de Carneiro é contraposto, na sua personalidade, por uma coragem e uma determinação difíceis de igualar. Não hesitam se tiverem de correr riscos para proteger alguém, com generosidade e bravura.

Balança, por seu lado, pode ser visto como alguém passivo, mas a verdade é que o nativo deste signo sabe exatamente aquilo que quer dizer, mas procura sempre que as suas atitudes sejam pautadas pela justiça, pela diplomacia e pela harmonia. Pode preferir não falar ou não agir de determinada forma, mas essa é a sua escolha, não uma fragilidade.

Na Lua Cheia em Balança, que ocorre às 18:55 do dia 16 de abril, são postos em evidência estes dois extremos, o que pode despoletar situações que, chegando a um ponto limite, exigem uma ação concisa e consciente.

Se algum assunto na sua vida e, em particular, num relacionamento amoroso, tem vindo a causar-lhe desconforto ou insatisfação, a tensão acumulada pode precipitar acontecimentos que não deixam adiar mais uma tomada de decisão ou uma atitude que, podendo ser extrema, será necessária para que seja restabelecida a ordem e a harmonia interior que Balança tanto preza.

A energia da Lua Cheia em Balança é bastante favorável para retificar aquilo que está em desequilíbrio, para fazer ajustes necessários sem ter de efetuar cortes, porque Balança procura sempre o caminho da concórdia e da união. Esta energia é benéfica para melhorar os relacionamentos, expressando com a honestidade e a frontalidade de Carneiro e a diplomacia e subtileza de Balança quais são as nossas necessidades e expetativas. Por outro lado, esta energia também pode ajudá-lo a tornar realidade um desejo profundo do seu coração.

Assim como, na História que a Bíblia nos conta, Jesus ressuscitou três dias após a sua crucificação e morte, a Lua Cheia em Balança lembra-nos que é possível encontrar uma nova luz para iluminar aquilo que parecia estar perdido e fechado nas trevas.

Se procura uma solução para um assunto que o preocupa e que não está a conseguir resolver, entregue as suas preocupações no plano espiritual e confie que as respostas de que precisa virão ao seu encontro, desde que esteja recetivo para poder ouvi-las. Estar recetivo significa aceitar aquilo que a vida nos apresenta, mesmo que não seja aquilo que pedimos, e avaliar com sabedoria as situações para que possamos descobrir os dons, as oportunidades e as bênçãos que se escondem naquilo que recebemos.

Esta Lua Cheia é acompanhada por dois aspetos fortes, por um lado a Lua forma um trígono a Saturno, o planeta do compromisso e, sendo o trígono um aspeto harmonioso, as decisões tomadas sob a sua influência podem trazer resultados favoráveis, que irão manter-se a longo prazo. Por outro lado, a Lua e o Sol formam uma quadratura a Plutão, e esse é um aspeto tenso com um planeta que tende a precipitar mudanças poderosas. Poderá haver, assim, uma profunda transformação que surge a partir de ações e decisões tomadas sob a influência desta Lua Cheia. A quadratura a Plutão pode também intensificar, por outro lado, as lutas pelo poder, acentuando as discussões.

Carneiro é um signo especialmente dinâmico, e os seus nativos têm muita dificuldade em estar parados. A Lua Cheia em Balança pode convidar-nos suavemente a abrandar o ritmo e a fazer uma pausa, quer seja nos afazeres quotidianos quer seja no burburinho constante da nossa mente, e ficar num estado mais contemplativo, simplesmente a apreciar tudo aquilo que já temos à nossa volta. Esta pausa pode ser o ponto de viragem nas suas ações, que vai mostrar-lhe que correções precisa de fazer no seu rumo para poder ir ao encontro daquilo de que precisa.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.