Vénus está em Leão durante boa parte do mês (até ao dia 21), e isso dá-nos garra, emoção e paixão pela vida em geral e por aquilo que é mais precioso para cada um de nós em particular. Vénus em Leão é magnânimo, propenso a grandes gestos e demonstrações de amor, capaz de vencer duras provas e acentuar a nossa emotividade. É um bom período para namorar, para apostar num novo relacionamento, para estar mais tempo com a família e com aqueles que realmente aquecem o nosso coração.

O dia 11 de agosto será caracterizado por uma intensa atividade planetária. Nesse dia Mercúrio entra em Leão, o que nos ajuda a ser mais assertivos e peremptórios na afirmação daquilo que desejamos - e merecemos - e Júpiter, o planeta das oportunidades e da expansão, deixa de estar retrógrado, o que também é favorável para a ação. Podemos sentir-nos mais fortes e determinados, com vontade de pôr em prática as nossas ideias e concretizar as nossas ambições.

No entanto, também no dia 11, Úrano fica retrógrado e, uma vez que este planeta traz sempre uma boa dose de agitação, é muito provável que nos sintamos demasiado impacientes e instáveis, fazendo com que seja por isso difícil disciplinar a nossa mente o suficiente para que possamos agir de forma efetiva. Uma vez que este dia pode trazer emoções fortes e dificuldade em focar-se no que realmente é essencial, aconselha-se que evite esta data se tiver de tratar de assuntos importantes. Dedique-se a atividades que o ajudem a relaxar, pois a tendência será para perder facilmente a paciência com os outros, e até consigo mesmo.

No dia 15 de agosto, a Lua Cheia em Aquário opõe-se ao Sol em Leão. A partir desta data, a energia de Leão começa gradualmente a esbater-se nas nossas vidas, e vamos progressivamente avançando para um maior recolhimento e observação, que caracterizam a energia de Virgem, da qual o Sol se vai aproximando. A Lua Cheia em Aquário obriga-nos a confrontar a nossa vontade com o nosso dever, a vontade dos outros com a nossa opinião, e põe em perspetiva tudo o que diz respeito ao nosso ego.

Se, durante a primeira quinzena do mês, o Universo nos celebra enquanto seres únicos e nos convida a brilhar, brilhar, brilhar, a partir de dia 15 passamos a estar mais conscientes da importância e do papel que os outros desempenham na nossa vida, assim como do nosso valor enquanto parte de uma comunidade. Pode haver alguns conflitos na esfera amorosa, entre amigos, em família ou no trabalho, nos quais estará sempre em destaque a necessidade de fazer cedências, de ajustar a vontade individual àquilo que é realmente melhor para todos.

Marte é o primeiro a entrar no signo Virgem, logo no dia 18, o que refreia a nossa combatividade. Se Marte em Leão nos fazia mais aguerridos e com maior necessidade de sermos ouvidos, em Virgem torna-nos mais ponderados, reflexivos e meticulosos. Marte em Virgem pode impacientar-se com a falta de regras, com a indisciplina dos outros, com a desorganização da nossa própria vida, motivando-nos a pôr em ordem não só o ambiente que nos rodeia mas, sobretudo, a nossa mente.

A 21, é Vénus que entra em Virgem, o que nos pode deixar mais recatados e menos expansivos na manifestação do nosso afeto. Vénus em Virgem fala-nos de amor enquanto serviço, da importância não tanto dos grandes gestos de Leão mas sim das pequenas atenções, de cuidar dos que amamos prestando atenção às suas necessidades e fazendo tudo o que estiver ao nosso alcance, até mesmo que isso exija algum sacrifício, para as suprimir.

No dia 23 o Sol entra em Virgem e a 29 é Mercúrio que também passa a estar neste signo, do qual é regente. Agosto termina, assim, sob a tutela do rigor e da isenção, com vontade de deitar mãos à obra e corrigir qualquer falha ou desequilíbrio que tenhamos detetado na nossa vida. É a altura em que nos sentimos mais motivados a redecorar o lar, tornando-o mais prático e funcional, a reestruturar a organização do nosso trabalho, a organizar melhor as nossas rotinas e a iniciar um plano de vida mais saudável, até porque muitas pessoas estão a regressar de férias nesta altura.

O mês culmina com a Lua Nova em Virgem, que no dia 30 une a Lua e o Sol neste signo, enfatizando ainda mais esta energia de análise e de rigor.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.