A Associação Vegetariana Portuguesa acabou de lançar o conto infantil Alice no País das Lentilhas, um livro para os mais pequenos, que retrata de uma forma divertida a descoberta de uma alimentação vegetariana e promove o respeito pelo ambiente e por todos os animais, num recontar divertido do clássico de Lewis Carol, onde as maravilhas são trocadas pelas leguminosas.

O livro é dirigido a todas as famílias com crianças entre os 4 e os 10 anos.

Criado pela Associação Vegetariana Portuguesa (AVP), em parceria com a editora Betweien, o conto tem prefácio do Pediatra Mário Cordeiro. Apesar de a alimentação vegetariana nas crianças merecer cuidado e vigilância extra, conforme realça a própria Direcção-Geral de Saúde Portuguesa, o Pediatra assegura que “crescer numa família vegetariana não deve ser olhado como algo suspeito".

"Se a composição alimentar for equilibrada, garantindo à criança todos os requisitos para a sua saúde, o peixe e a carne não são de forma alguma obrigatórios”, conforme se pode ler no prefácio.

A história tem como protagonista a personagem Alice, a qual, tal como no conto original que serviu de inspiração, é uma criança de curiosidade inesgotável, mas em vez de explorar o país das maravilhas, descobre um outro mundo repleto de lentilhas, de cores verdes, vermelhas e castanhas, governado pela Rainha das Copas e o Rei das Hortas.

Um bocadinho de gossip por dia, nem sabe o bem que lhe fazia.

Subscreva a newsletter do SAPO Lifestyle.

Os temas mais inspiradores e atuais!

Ative as notificações do SAPO Lifestyle.

Não perca as últimas tendências!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #SAPOlifestyle nas suas publicações.