Os resíduos celulares, juntamente com o oxigénio, as temperaturas moderadas e o ambiente húmido são o ambiente favorável ao desenvolvimento de micróbios. A maioria não vai causar-lhe problemas, até porque provavelmente saíram do seu próprio corpo. Mas nas toalhas eles multiplicam-se rapidamente.

10 coisas que faz na casa de banho e que não devia
10 coisas que faz na casa de banho e que não devia
Ver artigo

Um estudo da revista Women's Health, publicado em 2015, e citado pela BBC, sugere que 44% das mulheres trocam os lençóis e toalhas uma vez por semana. Mas 47% faz isso apenas duas vezes por mês ou até menos.

"Não há dados científicos para determinar com exatidão com qual frequência devemos trocar lençóis e toalhas", disse à BBC a cientista Sally Bloomsfield, especialista em doenças infecciosas e consultora do Fórum Científico Internacional de Higiene do Lar.

Porém, há provas de que existem riscos de infeção dentro de casa: desde infeções na pele até uma variedade de doenças causadas pelas bactérias Escherichia coli ou Staphylococcus aureus. E aí surgem as dúvidas de como minimizar estes riscos. Sally Bloomsfield desaconselha por completo a partilha de toalhas, especialmente as das mãos.

Acha mesmo que se sabe lavar? 15 erros que comete no banho
Acha mesmo que se sabe lavar? 15 erros que comete no banho
Ver artigo

Quanto ao intervalo para substitui-las, durante muito tempo o conselho foi de trocas semanais. Mas agora os cientistas acreditam que até uma semana é tempo demais para usar uma toalha. "Se consegue secá-las completamente, não deve usá-las mais do que três vezes. É o máximo", diz Philip Tierno, microbiólogo e patologista da Escola de Medicina da Universidade de Nova Iorque em entrevista ao Business Insider.

A chave, segundo os especialistas, é que se consiga secar a toalha completamente entre cada utilização. No entanto, Sally Bloomsfield vai mais longe e acredita que, numa situação ideal, as pessoas deveriam trocar de toalhas a cada utilização. E lavá-las a quantos graus? A resposta é unânime: 60 graus Celsius é a temperatura ideal para eliminar por completo restos de células mortais, bactérias e micróbios. Depois, o segredo é secá-las bem.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.