Não há dúvidas em relação à influência que a alimentação pode assumir na nossa saúde. No entanto, segundo dados da Direção Geral de Saúde (DGS)  "o consumo diário de alimentos com teores excessivos de sal constitui um dos principais problemas de Saúde Pública", passando em larga escala as recomendações da Organização Mundial de Saúde.

Além do consumo excessivo de sal, o relatório divulgado pela DGS, em 2015, refere ainda o baixo consumo de fruta como um risco alimentar evitável que mais pode contribuir para a perda de anos de vida saudável.

No entanto, nem tudo são más notícias. "Claramente tem vindo a assistir-se a uma preocupação crescente, por parte da população em geral, por uma alimentação mais saudável e uma vida mais activa", explica a nutricionista do Hospital dos Lusíadas, Ana Rita Lopes, que assume que, apesar do aumento de interesse em levar hábitos de vida saudável, há ainda um longo caminho a percorrer. "Continuamos a ter uma prevalência muito elevada de excesso de peso e obesidade, em Portugal, assim como de outras patologias associadas, como é o caso da diabetes ou da hipertensão arterial", refere.

Se as dietas prometem resolver os nossos problemas de excessos de peso, há factores que devem ser tidos em conta, na opinião da especialista. "Os riscos e benefícios de uma dieta dependem sempre do tipo de dieta em questão e da existência ou não de acompanhamento por parte de um profissional da área da nutrição", refere Ana Rita Lopes.

A nutricionista deixa ainda o alerta: "Muitas das dietas ditas “da moda” não são equilibradas do ponto de vista nutricional e muito pouco eficazes a longo prazo, pois não promovem a adoção de hábitos alimentares saudáveis".

Se o que pretende é, além de perder peso, adquirir hábitos de alimentação mais equilibrados deve "procurar a opinião de um especialista (dietista ou nutricionista), que o possa aconselhar relativamente à segurança e eficácia da dieta", concluiu Ana Rita Lopes.

Todos os anos a "U.S. News and World Report" cria tendências ao eleger as melhores dietas a ter em conta. Tome nota de algumas:

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Lifestyle diariamente no seu email.

Notificações

Os temas mais inspiradores e atuais estão nas notificações do SAPO Lifestyle.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.